IPCA
0,26 Set.2023
Topo

Americanas, CVC, Magalu: veja quais foram as piores ações de 2022

Amanda Perobelli/Reuters
Imagem: Amanda Perobelli/Reuters

Lílian Cunha

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/12/2022 04h00

A última sessão da Bolsa em 2022 foi na quinta (29). Veja as empresas com as maiores quedas do ano em suas ações.

Quais ações foram as piores em 2022?

  1. IRB Bbrasil (IRBR3): -78,61%
  2. Americanas (AMER3): -68,67%
  3. CVC Brasil (CVCB3): -66,54%
  4. Qualicorp (QUAL3): -64,56%
  5. Méliuz (CASH3): -63,58%
  6. BRF (BRFS3): -63,23%
  7. Magazine Luiza (MGLU3): -62,05%
  8. Petz (PETZ3): -61,65%
  9. Alpargatas (ALPA4): -59,08%
  10. Braskem (BRKM5): -57,11%

Fonte: Economatica, de 3 de janeiro ao fechamento do dia 29 de dezembro de 2022

O que aconteceu com o IRB?

  • O IRB é uma empresa de mais de 80 anos de mercado. Mas em 2020, no meio da pandemia, uma irregularidade contábil foi descoberta na empresa.
  • A companhia reportava lucros maiores do que os que realmente tinha.
  • Desde então, mesmo promovendo uma restruturação na empresa, o IRB não consegue reconquistar a confiança do investidor.

O que afetou as outras companhias?

  • A maioria delas está ligada ao setor de consumo. Num ano em que a inflação subiu, os juros aumentaram, o endividamento do consumidor cresceu e a renda da população encolheu.
  • Além disso, houve correção de preço em alguns papéis. Em 2020, com a quarentena por conta do surgimento do coronavírus, o comércio eletrônico teve sua explosão de crescimento.
  • Naquele ano, por exemplo, Magazine Luíza dobrou de valor de mercado. Mas em 2021, esse crescimento desacelerou.

Neste ano, com o comércio físico funcionando plenamente, o eletrônico perdeu força.
Fernando Ferrer, analista da Empiricus

  • Para piorar tudo, os juros também subiram nos Estados Unidos e Europa, fazendo os investidores em todo o mundo tirar seu dinheiro das Bolsas de países emergentes.
  • Os grandes investidores venderam ações para gerar caixa.
  • Na hora de escolher quais papéis vender, mantiveram empresa que já dão muito lucro, como Vale (VALE3), e se desfizeram das companhias em crescimento, como Magalu, Americanas, CVC, Petz.
  • A varejista de produtos para animais e jardim Petz ainda carrega nas costas a aquisição da Zee.Dog por R$ 715 milhões em agosto de 2021.
  • Como é um produto não essencial, a compra esta demorando mais para dar resultados positivos, segundo Ferrer.
  • A Alpargatas sofreu triplamente. Teve a desaceleração do mercado e uma aquisição feita nos Estados Unidos.
  • Os custos de produção da alpargata subiram por causa da alta de uma matéria-prima derivada do petróleo.
  • Essa alta do petróleo também afetou a Braskem, que usa derivados como matéria-prima.

Quais dessas têm chance de subir em 2023?

  • Para Vírgilio Lage, especialista da Valor Investimentos em Minas Gerais, Americanas, Alpargatas e Qualicorp são as que podem se recuperar melhor durante o ano.
  • Os frigoríficos, como Marfrig e BRF, também poderão se beneficiar em 2023 com o pagamento do novo Bolsa Família, segundo Marcio Loréga, analista chefe do PagBank.

Quer saber quais foram as melhores ações de 2022? Leia esta reportagem.

Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.