IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Vale a pena investir em ações que pagam dividendos na conta todos os meses?

Lílian Cunha

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/03/2023 04h00

Algumas ações pagam dividendos todos os meses. É um pagamento de parte do seu lucro feito aos acionistas, ou seja, é um dinheiro que cai na conta de qualquer investidor daquela ação, sem pagamento de imposto de renda.

Das oitenta e oito ações da carteira do Ibovespa, seis pagam dividendos mensalmente. São papéis de três bancos: Itaú (ITUB3 e ITUB4), Bradesco (BBDC3 e BBDC4) e Banestes (BEES3 e BEES4), que é o Banco do Estado do Espírito Santo.

Pode parecer vantajoso receber parte dos lucros de grandes bancos todos os meses. Veja abaixo se vale investir.

Valores mensais são baixos

Geralmente, esse valor é muito baixo. Os pagamentos ficam na casa dos centavos. ITUB4, por exemplo, paga R$ 0,15 ao mês. A ação hoje custa R$ 24,73, o que daria dividendos de 0,6% ao mês. Veja aqui quais são as ações que mais pagam dividendos aos acionistas.

Os pagamentos só aumentam em época de fechamento de trimestre ou de semestre. O Bradesco, por exemplo, pagou em agosto R$ 0,30. Em dezembro, foram R$ 0,48. Mas o total do ano não chegou a R$ 1.

A ação BBDC4 custa, hoje, R$ 13,90, o que dá um retorno de 7,19% só em dividendos. Com a Selic a 13,75%, esse valor está abaixo do pagamento da renda fixa.

A meu ver, é uma ilusão. Só os grandes acionistas realmente saem ganhando.
Vitorio Galindo, analista chefe de análise fundamentalista da Quantzed

Só vale a pena buscar dividendos mensais dependendo do número de ações que o investidor tem.
Larissa Quaresma, analista da Empiricus Research

Por que esses bancos pagam dividendos todo mês?

É uma regra interna que elas mesmas se impuseram. Heitor Martins, especialista em renda variável na Nexgen Capital, explica que a empresa fixou uma fatia dos seus lucros mensais que vai para os dividendos.

Com isso, os pagamentos aos acionistas são fixos. Só mudam quando sai o novo balanço de resultados.

Na prática, elas adotam esse sistema para poder remunerar os controladores. De centavo em centavo, para eles, segundo Galindo, são milhões que entram todo mês para quem tem a maioria das ações.

"Para o pequeno acionista, acaba não fazendo diferença. Por isso a gente não recomenda escolher a ação por conta disso", afirma ele. O melhor é escolher a ação pelo desempenho do papel mesmo.

O que fazer com as ações?

No caso das ações desses três bancos, a preferida dos analistas é a do Itaú. Diferentemente do Bradesco, o Itaú tem um melhor controle de sua inadimplência.

O Banestes tem uma inadimplência ainda mais baixa. Mas como é um banco estadual pequeno, a maioria das casas de análise não estuda esse papel.

Para Bradesco, o Banco Safra recomenda a compra, com preço alvo de R$ 24,60 por ação. O preço atual é de R$ 12,90.

Para a XP, porém, a recomendação é neutra (melhor não comprar, nem vender). O preço alvo é de R$ 18. A questão, aqui, é a inadimplência.

Já em relação a ITUB4, a recomendação do BTG é de compra. O preço atual é de R$ 24,47 e a expectativa é de que chegue a R$ 35 até o fim de 2023.

As outras ações, as ordinárias (BEES3, ITUB3 e BBDC3) ficam de posse dos controladores. Somente poucas pessoas físicas têm essas ações.

    Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.