PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Comércio entre UE e Reino Unido tem queda recorde em janeiro

18/03/2021 08h17

Bruxelas, 18 Mar 2021 (AFP) - O comércio entre União Europeia (UE) e Reino Unido teve um retrocesso recorde em janeiro, primeiro mês após a saída britânica do mercado único, informou nesta quinta-feira a agência europeia de estatísticas Eurostat.

De acordo com a agência, em janeiro as exportações europeias para o Reino Unido recuaram 27,4% na comparação com janeiro de 2020, ao mesmo tempo que a importação de produtos britânicos na Europa desabou 59,5%.

O Reino Unido saiu da UE no ano passado, mas apenas em 1º de janeiro de 2021 se retirou formalmente da união alfandegária e do mercado único europeu, depois de negociar com Bruxelas os termos da relação comercial bilateral.

Os números calculados pela Eurostat, no entanto, são mais drásticos que os divulgados pelas autoridades econômicas britânicas, por diferenças na metodologia.

O Escritório Nacional de Estatísticas (ONS) britânico anunciou em 12 de março uma queda de quase 41% nas exportações do Reino Unido para a UE e uma queda de 29% nas compras britânicas de produtos europeus.

A saída do Reino Unido do mercado único europeu teve um forte impacto no comércio exterior, com muitos problemas em portos já sob pressão pela pandemia, restrições de viagens e atrasos de pedidos acumulados desde o início da crise de saúde.

Além disso, muitos trâmites burocráticos, custos e impostos adicionais começaram a pesar sobre o comércio entre fronteiras.

De acordo com a Eurostat, as importações da UE do resto do mundo caíram 16,9% no primeiro mês do ano, enquanto as exportações recuaram 10,8% na comparação com janeiro de 2020.

No conjunto, os europeus registraram superavit comercial de 8,4 bilhões de euros (10,03 bilhões de dólares) em janeiro, contra um déficit de 2,2 bilhões de euros (2,627 bilhões de dólares) no mesmo mês do ano anterior.

ahg/bl/fp

PUBLICIDADE