Bolsas

Câmbio

Estratégias de momentum voltam com força nas bolsas dos EUA

Dani Burger

(Bloomberg) -- Os esforços de busca terminaram. O "momentum" do mercado acionário americano foi localizado.

Nas últimas semanas, investidores que correram atrás de tendências em diversas classes de ativos foram massacrados. Mas um grupo restritos de gestores conseguiu se dar bem: fundos de ações neutros em relação ao momentum (indicador de análise técnica que mede o quanto o preço de uma ação variou em determinado período). Esses veículos utilizam uma estratégia quantitativa que isola apostas nas ações que subiram mais no último ano.

O momentum no mercado é bastante ligado às ações de tecnologia e alguns dias no mês passado foram sofridos por causa do tombo do Nasdaq 100. Mas as transações baseadas em momentum voltaram com força total.

Embora o S&P 500 tenha caído 0,3 por cento desde o feriado em comemoração à independência dos EUA, em 4 de julho, a estratégia neutra de momentum teve seu melhor período de quatro dias desde antes do Brexit, segundo a função Bloomberg PORT.

Para alguns analistas, a operação estava fadada a se recuperar após um escorregão temporário em junho que, para eles, foi motivado pelo desmonte de posições por um fundo quantitativo desgarrado. Para a BlackRock, essas quedas são apenas oportunidade de compra para uma tática inclinada a reversões breves, de acordo com o estrategista-chefe de investimentos, Richard Turnill.

"O atual ambiente de baixa volatilidade juntamente com a expansão econômica sustentada são bons para o momentum", ele escreveu no relatório de meio de ano da BlackRock, divulgado nesta terça-feira. "A queda acentuada das ações de tecnologia em meados de junho ilustrou os riscos dos rompimentos de momentum."

Fora do mercado acionário, tem sido difícil achar tendências fortes e consistentes neste ano. Os fundos de commodities que apostam em tendências de preços por meio de contratos futuros estão a caminho de registrar seu pior ano até hoje devido às oscilações bruscas nas taxas de câmbio e na renda fixa.

Posições vendidas

Mas na renda variável, a tendência parece ter voltado.

As duas ações de melhor desempenho do S&P 500 nos últimos 12 meses são bom exemplo. Advanced Micro Devices e Nvidia foram também as duas maiores ganhadoras dos últimos cinco dias, avançando 15 e 11 por cento, respectivamente.

"Começamos a ver a estabilização das estratégias de momentum e liderança", disse Satya Pradhuman, diretor de pesquisa da Cirrus Research, durante uma teleconferência para discutir a perspectiva para o trimestre. "Devem continuar funcionando bem."

No entanto, o retorno das apostas em momentum não se resume às líderes do mercado e abrange também as ações que não sobem. De fato, sem as posições vendidas, as estratégias de momentum não teriam ido tão bem, segundo Joseph Mezrich, responsável por análise quantitativa nos EUA da Nomura Instinet.

"Foram mais as posições a descoberto: cerca de 5 por cento com posições vendidas em perdedoras do passado e 2 por cento em posições compradas de vencedoras do passado", disse Mezrich. "Houve bastante volatilidade nas posições vendidas desde o episódio de queda das ações de tecnologia em junho."

Por exemplo, a Under Armour, maior perdedora do S&P 500 nos últimos 12 meses, caiu 9,3 por cento nos últimos cinco dias. A Macy's, que recuou 11 por cento desde 3 de julho, também registra um dos piores desempenhos do último ano e dos últimos cinco dias.

O sucesso das posições a descoberto em ações enfraquecidas é mais evidente nos fundos negociados em bolsa da categoria smart beta exclusivamente comprada. O iShares Edge MSCI USA Momentum Factor ETF avançou 1,7 por cento desde 3 de julho e superou o S&P 500, mas ficou atrás do retorno de 3,2 por cento proporcionado pelo Dow Jones U.S. Thematic Market Neutral Momentum Index no mesmo período.

Versão em português: Patricia Xavier em Sao Paulo, pbernardino1@bloomberg.net.

Repórter da matéria original: Dani Burger em N York, dburger7@bloomberg.net.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos