PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Barril do Texas fecha em baixa de 0,9%

07/01/2020 19h29

Nova York, 7 jan (EFE).- O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI) fechou em baixa de 0,9% nesta terça-feira, cotado a US$ 62,70 o barril, em uma trégua após dois dias de altas devido à crise entre Estados Unidos e Irã.

Ao final das operações da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em fevereiro caíram US$ 0,57 em relação ao valor do pregão de segunda-feira.

Dessa forma, os preços caíram cerca de 1%, o que parece ser uma reconsideração dos investidores sobre a probabilidade de problemas imediatos no fornecimento de petróleo no Oriente Médio, após os EUA terem matado na semana passada o general Qasem Soleimani, comandante da divisão de elite da Guarda Revolucionária do Irã.

Os preços subiram durante as duas sessões anteriores por medo da escalada do conflito e possíveis interrupções de abastecimento no Oriente Médio depois do ataque americano em Bagdá que matou Soleimani. O Irã prometeu se vingar do ocorrido.

A empresa de consultoria Eurasia Group disse que o Irã provavelmente se concentrará em alvos militares dos EUA, em vez de alvos energéticas.

"Isso não significa que abandonará a ofensiva contra o transporte comercial ou a infraestrutura energética regional, mas essas atividades não serão severas", explicou.

Enquanto alguns analistas acreditam que o fechamento do Estreito de Ormuz, uma importante passagem nos fluxos globais de petróleo, continua sendo um alvo pouco provável, o site da Administração Marítima dos EUA renovou o alerta sobre as ameaças aos navios comerciais americanos na área do Golfo.

Nesse contexto, os contratos futuros de gasolina com vencimento em fevereiro caíram US$ 0,03, a US$ 1,72 por galão, já os de gás natural, com vencimento no mesmo mês, subiram quase US$ 0,03, em US$ 2,16 por cada mil pés cúbicos. EFE