IPCA
0,51 Nov.2019
Topo

Reforma da Previdência


Por reforma da Previdência, PSL lança campanha que imita Posto Ipiranga

Em vídeo do PSL, frentistas defendem reforma da Previdência e imitam Bolsonaro

UOL Notícias

Felipe Frazão

Brasília

11/06/2019 15h17

O PSL lançou hoje um site em defesa da reforma da Previdência. A campanha do partido faz referências ao ministro da Economia, Paulo Guedes, apelidado de "Posto Ipiranga" pelo presidente Jair Bolsonaro. O site "Nova Previdência: Pergunta Lá" mimetiza a série de campanhas da distribuidora de combustíveis.

Há vídeos gravados com atores que conversam com frentistas sobre a Previdência Social. As esquetes imitam os filmes publicitários premiados da Ipiranga. Na peça, um frentista imita os trejeitos e expressões de Bolsonaro, o que foi apresentado pelos criadores como uma opção pelo "didatismo e humor".

"Essa campanha está melhor que a do governo. A do governo eu não entendo nada, essa eu entendi tudo", disse o deputado Julian Lemos (PSL-PB).

O site traz uma ferramenta de chat em que é possível o usuário fazer perguntas sobre a reforma, em discussão na Câmara dos Deputados. Uma equipe responde aos questionamentos. Há também respostas padrão por assunto, já elaboradas tecnicamente. Elas vêm sendo usadas, por exemplo, nos perfis oficiais do PSL nas redes sociais, como Twitter e Facebook, para responder a menções à reforma por qualquer usuário.

"A intenção é marcar a posição do PSL e interagir proativamente", disse o diretor de publicidade da FSB, Hildebrando Neto, a respeito da interação até com usuários contrários à reforma e ao governo.

O site traz itens como a agenda de Paulo Guedes, uma aba para questionamentos e também uma página para desmentir notícias falsas. O presidente do partido, Luciano Bivar (PE), disse que tem um acordo de confidencialidade sobre os valores da campanha desenvolvida pela FSB Comunicação. "O PSL tinha que mostrar efetivamente sua participação", disse Bivar.

A campanha foi apresentada aos deputados e senadores do partido na sede em Brasília. Eles vão gravar vídeos com a vinheta da campanha para distribuir nas redes sociais.

Entenda a proposta de reforma da Previdência em 10 pontos

UOL Notícias

Reforma da Previdência