Topo

Etanol cai em 15 estados, mas preço médio sobe 1,09% no país, diz ANP

Gustavo Porto

Ribeirão Preto

05/08/2019 10h36

Os preços médios do etanol hidratado recuaram em 15 estados brasileiros na semana passada, de acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilado pelo AE-Taxas. Houve alta em dez estados e no Distrito Federal. No Amapá não foi feita avaliação.

Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP houve alta de 1,09% no preço médio do etanol na semana passada ante a anterior, de R$ 2,758 para R$ 2,788.

A pressão veio de São Paulo, principal estado produtor, consumidor e com mais postos avaliados, onde houve alta de 1,93% no período e a cotação média do hidratado variou de R$ 2,537 para R$ 2,586 o litro. A maior alta semanal, de 8,42%, foi na Bahia e a maior queda, de 2,34%, no Espírito Santo.

Na comparação mensal, os preços do etanol recuaram em 20 estados e no Distrito Federal e subiram outras cinco unidades da Federação. Não houve avaliação mensal no Amapá.

Na média brasileira, o preço do biocombustível pesquisado pela ANP acumulou alta mensal de 0,36%, também sob pressão de São Paulo, com alta nos preços do combustível de 1,13% no período.

O preço mínimo registrado na semana passada para o etanol em um posto foi de R$ 2,139 o litro, em São Paulo, e o menor preço médio estadual, de R$ 2,468, foi em Mato Grosso. O preço máximo individual, de R$ 4,970 litro, foi registrado em um posto do Pará e o Rio Grande registrou o maior preço médio, de R$ 4,017 o litro.

Veja dicas para economizar combustível no seu carro

UOL Carros

Mais Economia