PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Vale: Lucro líquido atribuído aos acionistas no 1º trimestre foi de US$ 4,458 bi

Logo da Vale em mina em São Gonçalo do Rio Abaixo (MG) - Washington Alves/Reuters
Logo da Vale em mina em São Gonçalo do Rio Abaixo (MG) Imagem: Washington Alves/Reuters

Bruno Villas Bôas e Wagner Gomes

Rio e São Paulo, 27

27/04/2022 18h53Atualizada em 27/04/2022 19h07

A Vale registrou lucro líquido atribuído aos acionistas de US$ 4,458 bilhões no primeiro trimestre de 2022, queda de 19,6% em relação a igual período de 2021. Em reais, o lucro da companhia atingiu R$ 23,16 bilhões, queda de 24,4% frente ao mesmo período do ano passado (R$ 30,637 bilhões).

Nas demonstrações financeiras divulgadas nesta quarta-feira, 27, a Vale informa que a geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) ajustado recuou 23,5% em um ano, para US$ 6,385 bilhões.

A receita operacional líquida de vendas da mineradora foi de US$ 11,26 bilhões no primeiro trimestre deste ano, 11% abaixo do primeiro trimestre do ano passado.

Principal negócio da Vale, a produção de minério de ferro atingiu 63,928 milhões de toneladas no primeiro trimestre de 2022, queda de 6% sobre o mesmo período do ano passado, como mostrou o relatório de produção da companhia divulgado recentemente. As vendas caíram 9,6% por essa base de comparação, para 53,603 milhões de toneladas.