Bolsas

Câmbio

Quentão e fogos têm 62% de imposto; veja peso de tributo nas festas juninas

  • Divulgação

SÃO PAULO – Junto com a Copa do Mundo, os brasileiros também estão celebrando as festas juninas. Porém, a alta carga tributária que está embutida no preço dos principais quitutes podem frear as comemorações.

Um levantamento realizado pelo IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação) mostra que o quentão e os fogos de artifícios contam com as maiores taxas de impostos: 61,56% são destinados aos cofres públicos; seguidos pela cerveja (55,60%).

Para o presidente da instituição, João Eloi Olenike, os principais produtos consumidos nesta época têm uma elevada carga tributária por serem produtos supérfluos. Confira abaixo a carga tributária dos itens de festa junina:

 
Produto Carga tributária
Fonte: IBPT
Fogos de artifício 61,56%
Quentão 61,56%
Cerveja (lata e garrafa) 55,60%
Vinho 54,73%
Refrigerante (lata) 46,47%
Refrigerante (garrafa) 44,55%
Imagem de santo 41,52%
Chapéu de Couro 39,80%
Viola 39,65%
Calça Jeans 38,53%
Amendoim 36,54%
Cocada 36,54%
Paçoca 36,54%
Pé de Moleque 36,54%
Bota 36,17%
Canjica 35,38%
Pipoca 34,99%
Camisa xadrez 34,67%
Chapéu de Palha 33,95%
Pinhão 24,07%
Milho cozido 18,75%
Cachorro quente 15,28%

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos