IPCA
0,42 Mar.2024
Topo

Está com dificuldade de guardar dinheiro? Veja 6 dicas (simples) para economizar

25/08/2014 15h19Atualizada em 30/08/2014 11h08

SÃO PAULO – Não é novidade que os brasileiros não sabem lidar muito bem com orçamento pessoal e planejamento financeiro, ainda mais depois do incentivo ao consumo nos últimos anos. Agora, a economia deu uma freada, os juros estão mais altos e os consumidores estão começando a pensar em voltar a poupar. 

No entanto, juntar dinheiro não é uma tarefa fácil. Em entrevista para o site "Daily Worth", o planejador financeiro Matt Curfman lembra que existem alguns passos que podem ajudar na hora de economizar. 

1-  Quais são seus objetivos?

A primeira coisa que se deve fazer antes de começar a economizar é identificar seus objetivos financeiros e mantê-los em mente.

“Há uma diferença entre poupar mais e poupar mais com um foco", diz ele. "É muito bom estar economizando, mas é importante entender por que você está fazendo isso e como esse ato afeta diretamente os seus objetivos”.

2- Tenha um segundo banco

Em vez de manter todos os seus recursos em um lugar, Curfman recomenda a abertura de uma conta poupança em um banco diferente daquele no qual tem sua conta corrente.

"É mais fácil economizar mais a cada mês quando não lembra do valor que você está separando", explica. 

Manter uma conta separada também torna mais difícil a transferência de poupança em sua conta corrente.

3- Depósito automático

Programe para que parte do seu salário seja transferida automaticamente para a poupança. Assim, é mais fácil "esquecer" que você já teve esse dinheiro. Ou seja, quanto mais rápido você mover o dinheiro de sua conta corrente, fica mais fácil não gastá-lo.

4- Coloque os descontos na poupança

No Brasil ainda não virou moda, mas em outros países, como nos Estados Unidos, os cupons de descontos viraram febre entre os consumidores que conseguem economizar bastante nas compras.

Para aproveitar qualquer tipo de desconto ou promoção com eficiência, coloque o valor economizado na poupança logo depois da compra. Assim, você não fica tentado a gastar mais.

5- Finja que você nunca recebeu um aumento

A cada ano, os salários passam por um processo de revisão, além de bônus e participações nos lucros das empresas. Kathryn Garrison, consultor financeiro sênior da Moss Adams Wealth Advisors, recomenda aumentar o percentual que vai ser poupado ou investido.

“Se você continuou a manter o estilo de vida e as despesas, cada aumento consecutivo irá resultar em poupanças adicionais exponenciais”.

6- Guarde as moedas

Pode parecer insignificante, mas guardar as moedas que são esquecidas nas carteiras, carros e entre as almofadas do sofá pode fazer diferença depois de um tempo.

Segundo dados da Coinstar, existem cerca de US$ 10 bilhões em moedas esquecidas pelos norte-americanos. Guarde-as em um frasco e deposite o valor na poupança a cada mês ou ano.