PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

PEC Emergencial está na pauta de quinta, mas pode ser adiada, diz Pacheco

01 fev. 2021-  O presidente eleito do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), é cumprimentado pelo até então presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) - GABRIELA BILÓ/ESTADÃO CONTEÚDO
01 fev. 2021- O presidente eleito do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), é cumprimentado pelo até então presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) Imagem: GABRIELA BILÓ/ESTADÃO CONTEÚDO

Agência Senado

24/02/2021 17h57

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM), confirmou hoje que a PEC Emergencial, que estabelece diretrizes para a retomada do auxílio emergencial, está mantida na pauta da sessão deliberativa do Senado de quinta-feira (25). No entanto, ele afirmou que ainda há a possibilidade de que a discussão sobre o texto seja iniciada na quinta e a votação só ocorra na próxima semana.

"Houve um apelo ontem [terça-feira] de alguns senadores pelo adiamento. Nós recebemos hoje [quarta-feira] também diversos segmentos sociais [com pedidos] nesse sentido, para poder ter um tempo de reflexão. Vamos, agora, nesta sessão [de quarta-feira], ter uma oportunidade de dar a fala a outros senadores, inclusive ao líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, para a gente fazer essa abordagem. Mas a princípio [a PEC Emergencial] está mantida na pauta de quinta-feira", disse Pacheco.

Na manhã desta quarta-feira, parlamentares do PT e líderes de centrais sindicais, em reunião com o presidente do Senado, solicitaram o adiamento da votação dessa PEC. De acordo com o grupo, os debates devem ser centralizados na retomada do auxílio emergencial e na ampliação do acesso às vacinas pela população, desvinculadas da aprovação da PEC, pois entre as medidas que o relatório dessa proposta sugere está a que prevê o fim do piso para o investimento orçamentário em saúde e educação.

Está prevista, na quinta-feira de manhã, reunião de líderes partidários do Senado para a discussão sobre o possível adiamento da votação da PEC Emergencial.

PUBLICIDADE