PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

DiCaprio vira sócio de Lewis Hamilton em empresa de hambúrguer vegano

Do UOL, em São Paulo

28/04/2022 11h05

A marca de alimentos veganos Neat Food, do piloto britânico de Fórmula 1 Lewis Hamilton, terá o ator Leonardo DiCapio como investidor estratégico.

"Romper nosso sistema alimentar com alternativas sustentáveis é uma das principais maneiras pelas quais podemos fazer uma diferença real na redução das emissões globais", disse DiCaprio em comunicado, segundo a agência Bloomberg.

"A abordagem pioneira da Neat Burger para proteínas alternativas é um ótimo exemplo do tipo de soluções que precisamos para avançar", acrescentou o astro de Hollywood.

Segundo a reportagem, a empresa está se expandido para abrir seu primeiro negócio nos Estados Unidos antes do final do ano. Hoje, a empresa anunciou o início de um contrato de US$ 30 milhões de fundos de série B para impulsionar seu crescimento.

Hamilton, que é vegano, lançou a Neat em 2019 com Tommaso Chiabra, um dos primeiros investidores da Beyond Meat. Atualmente, são oito locais em Londres, mas o plano é ter 12 unidades nos EUA, uma mistura de lojas físicas e cozinhas-fantasmas, até o fim de 2022.

"Como alguém que segue dieta baseada em vegetais, acredito que precisamos de uma opção saudável de rua, com sabor incrível, mas que também ofereça algo interessante para quem quer ficar sem carne de vez em quando", disse o campeão da Fórmula 1 na época do lançamento.

No total, a Neat espera operar 42 unidades em todo o mundo, inclusive no Oriente Médio e na Itália, até o final do ano.

A avaliação mais recente da empresa é de US$ 100 milhões, baseada em parte em uma rodada de US$ 7 milhões liderada por Rajeev Misra, CEO da SoftBank Investment Advisers.

"Nosso foco este ano é entrar no mercado de Nova York e nos estabelecer na comunidade local antes de expandir por meio de nosso modelo híbrido de restaurantes online e offline para outras regiões, como Miami, Austin e Los Angeles no próximo ano", disse Chiabra por e-mail à Bloomberg.

Segundo ele, a Neat está tratando os Estados Unidos como seu principal mercado, visando a operações em 1.000 locais na América do Norte até 2030.

Espera-se que o mercado global de alimentos à base de vegetais atinja US$ 162 bilhões na próxima década, de acordo com um relatório de 2021 da Bloomberg Intelligence.