PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Banco do Brasil paga curso de inglês de R$ 8.740 para presidente já fluente

Fausto de Andrade Ribeiro, presidente do Banco do Brasil - Reprodução/Linkedin
Fausto de Andrade Ribeiro, presidente do Banco do Brasil Imagem: Reprodução/Linkedin

Do UOL, em São Paulo

19/05/2022 17h19Atualizada em 19/05/2022 19h02

O Banco do Brasil pagará R$ 8.740 em um curso imersivo de inglês ao presidente da instituição financeira, Fausto de Andrade Ribeiro, fluente no idioma. O banco já desembolsou R$ 1.540 referente à entrada do pagamento do curso e o restante do valor será quitado em cinco parcelas de R$ 1.440. As informações são da coluna Grande Angular, do site Metrópoles.

Em nota ao UOL (veja a íntegra abaixo), o Banco do Brasil confirmou que o presidente tem fluência em inglês, mas argumentou que "a realização de cursos de línguas faz parte da atualização permanente dos executivos do Banco do Brasil".

Ribeiro foi escolhido pelo governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) para assumir a presidência do Banco do Brasil no lugar de André Brandão, que apresentou carta de renúncia em 18 de março. Ele é formado em Administração pela Universidade Católica de Brasília e Direito pelo Centro Universitário de Brasília. Tem especialização em economia pela The George Washington University, nos EUA, e MBA em Finanças pelo Ibmec. Está no BB desde setembro de 2000.

O curso feito por Ribeiro — sem a abertura de licitação pelo banco — conta com 48 horas de aulas e foi realizado na unidade Professor Prime English School, sediada na capital federal.

Segundo o site, a escola foi selecionada pelo banco após pedido do próprio presidente e não está no rol do programa de bolsas de idiomas ofertados aos funcionários. Os trabalhadores, caso preencham as exigências e comprovarem a presença nos cursos, podem receber ressarcimento parcial dos valores pelo banco após a comprovação mensal por nota fiscal.

Fausto, de 52 anos, foi presidente da subsidiária do BB desde setembro de 2020.

Antes de assumir o cargo, ele foi gerente executivo do banco por quase quatro anos, responsável pela área de canais de terceiros, como correspondentes bancários, banco postal, redes compartilhadas e Banco 24 horas.

Ele também foi gerente-geral da instituição financeira para Espanha e Marrocos, gerente-executivo e responsável pela área de controle contábil do BB e gerente-executivo do Banco Patagônia em Buenos Aires.

Em abril, Ribeiro enviou uma mensagem aos funcionários do conglomerado em seu primeiro ato após tomar posse no dia 1º do mesmo mês.

Na carta, obtida pelo Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), ele prometeu "austeridade" nas despesas e sequência à agenda de venda e reorganização societária de negócios secundários, movimento que já está em curso na instituição. Ao mesmo tempo, tentou mostrar alinhamento a Bolsonaro, contrário à privatização da instituição.

O que diz o Banco do Brasil

Em nota ao UOL, o Banco do Brasil confirmou que o presidente tem fluência em inglês, mas argumentou que "a realização de cursos de línguas faz parte da atualização permanente dos executivos do Banco do Brasil".

Leia abaixo a íntegra da nota do banco enviada ao UOL:

"O presidente do Banco do Brasil possui fluência em inglês, com certificações que comprovam essa qualificação. Foi, inclusive, executivo do BB no exterior por 3 anos.

A realização de cursos de línguas faz parte da atualização permanente dos executivos do Banco do Brasil, dada a necessidade de relacionamento constante com empresas, investidores e gestores do exterior, dos mais diversos segmentos da economia e da sociedade.

O Banco do Brasil segue as melhores práticas de mercado nas políticas de desenvolvimento e é uma das empresas brasileiras que mais investem na qualificação de seus funcionários no que se refere à certificação em línguas estrangeiras. Somente desde 2019, já foram concedidas cerca de 1.500 bolsas de estudo a funcionários de diversos níveis hierárquicos do BB, desde caixa até executivos.

Qualquer funcionário pode concorrer às bolsas e os ressarcimentos são feitos de forma ágil, bastando que se apresente as notas fiscais de realização e conclusão dos cursos. As mensalidades são ressarcidas mensalmente. Os valores de ressarcimento variam de R$ 5.200,00 a R$ 15.600,00."

*Com Estadão Conteúdo