Bolsas

Câmbio

Mercados da China ficam estáveis após dados do PIB reduzirem expectativas de estímulo

XANGAI/TÓQUIO (Reuters) - As Bolsas da China fecharam estáveis nesta sexta-feira (15) uma vez que dados melhores do que o esperado da economia do país no segundo trimestre parecem ter reduzido as apostas de mais estímulos.

Tanto o índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, quanto o índice de Xangai tiveram variação negativa de 0,01%.

Na semana, o índice de Xangai subiu 2,2%, enquanto o CSI300 acumulou alta de 2,6%.

A economia da China cresceu 6,7% no segundo trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, mantendo o ritmo do primeiro trimestre e ligeiramente melhor do que o esperado.

No restante do continente os mercados subiram, com os dados chineses impulsionando o apetite por risco que já estava em alta após máximas recordes em Wall Street.

  • Em Tóquio, o índice Nikkei avançou 0,68%, a 16.497 pontos.
  • Em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu 0,46%, a 21.659 pontos.
  • Em Xangai, o índice SSEC perdeu 0,01%, a 3.053 pontos.
  • O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, retrocedeu 0,01%, a 3.276 pontos.
  • Em Seul, o índice Kospi teve valorização de 0,42%, a 2.017 pontos.
  • Em Taiwan, o índice Taiex registrou alta de 0,94%, a 8.949 pontos.
  • Em Cingapura, o índice Straits Times valorizou-se 0,63%, a 2.925 pontos.
  • Em Sydney, o índice S&P/ASX 200 avançou 0,33%, a 5.429 pontos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos