Bolsas

Câmbio

Ministro das Finanças diz que Reino Unido vai deixar mercado único da UE

Andy Bruce

LONDRES, 17 Jan (Reuters) - O ministro britânico das Finanças, Philip Hammond, disse nesta terça-feira que o país não pretende permanecer no mercado único da União Europeia depois de deixar o bloco, mas pretende alcançar acordo de livre comércio abrangente.

Hammond estava se dirigindo ao parlamento em sessão regular de perguntas e respostas, enquanto a primeira-ministra britânica, Theresa May, estabelecia sua estratégia para deixar a UE em evento separado.

"Vamos avançar no entendimento de que não podemos ser membros do mercado único, por causa dos limites em torno das "quatro liberdades" que outros líderes europeus estabeleceram, mas expressando uma agenda ambiciosa para um acordo de comércio livre e abrangente com a União Europeia", disse Hammond ao parlamento.

Hammond também disse que a volatilidade da libra representa um desafio para compradores estrangeiros de títulos do governo britânico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos