Bolsas

Câmbio

Europa tem "arsenal" para responder a tarifas de Trump, diz comissário europeu

PARIS (Reuters) - A Europa quer evitar uma guerra comercial com os Estados Unidos em relação a seus planos de impor tarifas sobre o aço e o alumínio, mas está preparando contramedidas imediatas caso seja necessário, disse o comissário europeu de Assuntos Financeiros, Pierre Moscovici.

Trump deve assinar um decreto presidencial para estabelecer as tarifas durante uma cerimônia nesta quinta-feira (8), embora funcionários da Casa Branca tenham dito que pode ficar para sexta-feira porque os documentos devem ser liberados através de um processo legal.

Se Donald Trump adotar as medidas nesta noite, temos todo um arsenal à nossa disposição para responder
Pierre Moscovici, comissário europeu

Ele disse que as contramedidas incluirão tarifas europeias sobre laranjas, tabaco e bourbon exportados dos EUA. A Europa também poderia entrar com uma eventual reclamação perante a Organização Mundial do Comércio, disse Moscovici.

A proposta de Trump para uma tarifa de importação de 25% sobre o aço e de 10% sobre o alumínio afetou os mercados globais, bem como republicanos e líderes empresariais proeminentes preocupados com os potenciais efeitos econômicos.

Como é difícil encontrar um produto "Made In Brazil" no comércio local

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos