PUBLICIDADE
IPCA
0,25 Fev.2020
Topo

Coronavírus: Xi diz que China tem que manter ordem econômica e social

Xi Jinping, presidente da China, aparece de máscara em razão do surto do novo coronavírus - Pang Xinglei/Reuters
Xi Jinping, presidente da China, aparece de máscara em razão do surto do novo coronavírus Imagem: Pang Xinglei/Reuters

15/02/2020 12h14

A China tem que fazer todos os esforços para manter o controle econômico e social enquanto enfrenta a epidemia de coronavírus, além de evitar causar pânico que possa levar a "desastres" secundários", disse o presidente, Xi Jinping, a autoridades sêniores mais cedo neste mês.

A Reuters informou nesta semana que Xi alertou autoridades em 3 de fevereiro que os esforços para conter o novo coronavírus foram longe demais, ameaçando a economia. Esses comentários foram feitos dias antes de Pequim adotar medidas para aliviar o impacto.

O discurso de Xi em 3 de fevereiro ao Comitê Permanente do Politburo foi publicado na íntegra pelo jornal do Partido Comunista Qiushi neste sábado. Ele mostrou como Xi pediu às autoridades para adotar políticas visando a sustentar a economia mesmo enquanto controlavam a disseminação do coronavírus.

No discurso, ele disse que a epidemia, que matou mais de 1.500 pessoas e infectou mais de 66 mil até agora, está impactando a economia, especialmente as indústrias. Ações precisavam ser adotadas para manter a cadeia industrial da China e encorajar as empresas a retomarem a produção, disse ele.

Hoje. o regulador bancário e de títulos da China anunciou novas medidas para sustentar empresas, indústrias e pequenos e médios negócios que foram afetados com força pela epidemia do coronavírus.

De acordo com o anúncio, as empresas devem fortalecer os empréstimos ao setor industrial. Também pediu aos bancos que forneçam taxas e serviços financeiros melhores para fabricantes de equipamentos de proteção.

Economia