PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Ações fecham em queda com impulso do Fed compensado por perdas em recursos básicos

27/08/2020 13h58

Por Sruthi Shankar e Ambar Warrick

(Reuters) - Os mercados de ações europeus fecharam em queda nesta quinta-feira com o setor de recursos básicos liderando as perdas, enquanto uma estratégia de crescimento agressiva do Federal Reserve foi recebida com pouco alarde localmente.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,65%, a 1.437 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,64%, a 371 pontos.

As ações de mineração registraram as maiores perdas percentuais, uma vez que os preços das matérias-primas recuaram.

As ações locais também ficaram atrás de seus pares nos Estados Unidos, com os índices de Wall Street atingindo novas máximas após o anúncio do Fed sobre sua política monetária. As ações europeias ainda não se recuperaram totalmente das mínimas atingidas no auge da pandemia, ao contrário de Wall Street. [.NPT]

"A Europa carece das mega ações de tecnologia que impulsionam o S&P 500 e o Nasdaq. (As ações dos EUA) também sabem que o Fed está disposto a fazer o que for preciso", disse Connor Campbell, analista da Spreadex.

O Fed anunciou nesta quinta-feira uma estratégia agressiva para restaurar o pleno emprego nos Estados Unidos e elevar a inflação de volta a níveis mais saudáveis.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,75%, a 5.999 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,71%, a 13.096 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,64%, a 5.015 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 1,44%, a 19.847 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,45%, a 7.090 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,44%, a 4.371 pontos.