PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Ações asiáticas recuam após PIB mais fraco da China

Danilo Masoni e Alun John

18/10/2021 07h36

A maioria das ações asiáticas recuou na sessão de hoje, depois de dados mostrarem crescimento mais lento do que o esperado na economia chinesa no último trimestre, enquanto a alta dos preços do petróleo alimentava preocupações com a inflação.

Apelos do presidente da China, Xi Jinping, na sexta-feira, por progressos em um imposto sobre propriedade há muito aguardado —para ajudar a reduzir as lacunas de riqueza— também azedaram o clima.

O índice MSCI global para os mercados de ações caía 0,1%, afetado por perdas na Ásia e uma abertura fraca na Europa.

O PIB da China cresceu 4,9% no trimestre de julho a setembro em relação ao mesmo período do ano anterior, ritmo mais fraco desde o terceiro trimestre de 2020. A segunda maior economia do mundo está lutando contra a escassez de energia, gargalos de fornecimento, surtos esporádicos de Covid-19 e problemas de dívida em seu setor imobiliário.

As blue chips chinesas caíram 1,2%, e o índice composto de Xangai perdeu 0,1%.

"A economia chinesa cresceu mais lentamente no terceiro trimestre, principalmente por causa dos desafios de política (econômica) e da alta base de comparação do ano passado", disse Iris Pang, economista do banco holandês ING.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei caiu 0,15%, a 29.025,46 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,31%, a 25.409,75 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,12%, a 3.568,14 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,16%, a 4.874,78 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,28%, a 3.006,68 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,45%, a 16.705,46 pontos.

. Em SINGAPURA, o índice STRAITS TIMES ficou estável, a 3.173,82 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,26%, a 7.381,10 pontos.

PUBLICIDADE