PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

Superintendência do Cade declara como 'complexa' venda de ativos da Sanofi para Hypera

Sede do Cade, em Brasília - Adriano Machado/Reuters
Sede do Cade, em Brasília Imagem: Adriano Machado/Reuters

André Romani

Da Reuters

20/12/2021 09h37Atualizada em 20/12/2021 09h46

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) declarou "complexa" a compra de ativos da Sanofi pela Hypera, segundo despacho no Diário Oficial da União nesta segunda-feira.

O negócio, anunciado em julho, envolve a aquisição de 12 marcas de medicamentos isentos de prescrição e de prescrição no Brasil, México e Colômbia por 190,3 milhões de dólares. Entre os produtos estão o analgésico AAS, o fitoterápico Naturetti e o antisséptico Cepacol.

Em nota técnica, o órgão disse que a análise feita mostra concentrações elevadas em setores dos mercados de laxantes, estimulantes e de descongestionantes nasais de venda sob prescrição médica.

O Cade requisitou novas informações com prazo de 30 dias e reiterou que, caso seja necessário, o caso poderá ser decidido pelo Tribunal do órgão.

Em novembro, a Hypera informou a venda para o laboratório Eurofarma de portfólio de produtos farmacêuticos na Colômbia e México por 51,6 milhões de dólares. Segundo a Hypera, esses ativos fizeram parte da negociação com a Sanofi.

PUBLICIDADE