IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Rio Bravo diz que FII Brasil Varejo não recebeu aluguel de janeiro da Marisa

17/02/2023 09h52

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Rio Bravo Investimentos divulgou nesta sexta-feira que o Fundo de Investimento Imobiliário Brasil Varejo não recebeu o pagamento do aluguel de janeiro da Marisa, principal locatária do fundo, que responde por 81,47% da receita imobiliária do mesmo. O aluguel tinha vencimento em fevereiro.

Procurada pela Reuters, a Marisa afirmou que está "em processo de aprimoramento do seu modelo de negócios e decidiu priorizar pagamentos e/ou renegociar contratos, afetando aluguéis". A companhia acrescentou em nota que, em breve, os pagamentos serão normalizados.

A Rio Bravo, que é a instituição administradora fiduciária do FII Brasil Varejo, afirmou em fato relevante à Comissão De Valores Mobiliários (CVM) que a inadimplência representa um impacto negativo no resultado do fundo de aproximadamente 5,95 reais por cota.

"A Rio Bravo ressalta que, durante o mês de fevereiro, até a divulgação deste fato relevante, não recebeu nenhuma comunicação prévia da locatária sobre o não pagamento, assim como o consultor imobiliário também não recebeu notificação sobre o assunto", afirmou.

A Rio Bravo acrescentou que está tomando junto ao consultor imobiliário "as medidas cabíveis para a cobrança, preservação dos direitos e interesses do fundo e seus cotistas, bem como buscando a regularização do atraso da locatária com maior brevidade possível".

No começo do mês, a rede de varejo anunciou a contratação da BR Partners para assessorá-la no processo de renegociação de seu endividamento financeiro e a Galeazzi Associados para apoiá-la no aperfeiçoamento da estrutura de custos.

Na noite da véspera, a Marisa comunicou que seu conselho de administração elegeu João Pinheiro Nogueira Batista como novo presidente-executivo. Ele ocupará a vaga deixada por Adalberto Pereira Santos, que renunciou no início de fevereiro.