IPCA
0,51 Nov.2019
Topo

Todos a Bordo


Ultra low cost terá voo entre SP e Buenos Aires; ida e volta saem a R$ 657

Divulgação
Imagem: Divulgação

Vinícius Casagrande

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/10/2019 16h14

Resumo da notícia

  • Flybondi inicia voos entre São Paulo e Buenos Aires no dia 24 de janeiro
  • Passagem de ida e volta tem preço promocional por R$ 657 nos próximos dias
  • Os preços das demais empresas que operam no trecho chegam a ser de 41,9% a 153,1% mais caros que os promocionais da Flybondi
  • Passagem inclui apenas uma mala de mão de até dez quilos. Os demais serviços são cobrados
  • Flybondi já tem voos no Brasil para o Rio de Janeiro e, em dezembro, estreia rota para Florianópolis

A companhia aérea ultra low cost argentina Flybondi anunciou hoje sua terceira rota no Brasil. O novo voo vai ligar São Paulo a Buenos Aires, capital da Argentina, três vezes por semana (às segundas, quartas e sextas-feiras). Os voos terão início em 24 de janeiro.

Segundo a empresa, nos próximos dias as passagens terão preço promocional de R$ 188 por trecho, mais as taxas de embarque. O valor total de ida e volta será de R$ 657. A passagem inclui apenas uma bagagem de mão de até dez quilos e todos os serviços adicionais são cobrados.

Nas demais companhias aéreas que já operam a rota, o valor mais baixo encontrado hoje para uma viagem de ida e volta entre 24 e 27 de janeiro foi de R$ 932, pela companhia Ethiopian Airlines. O valor mais alto para o mesmo período foi o da Latam: R$ 1.663. Os preços nas demais empresas, portanto, são de 41,9% a 153,1% mais caros que os promocionais da Flybondi.

Os voos da aérea argentina partem do aeroporto de Guarulhos às 18h45 e chegam ao aeroporto de El Palomar, em Buenos Aires, às 21h50. No retorno, o voo decola da capital argentina às 15h10 e chega no Brasil às 18h.

Empresa cobra por todos os serviços adicionais

Operando sob o conceito de ultra low cost, a empresa cobra por todos os serviços adicionais que vão além do transporte aéreo. Isso inclui desde bagagem e serviço de bordo a até mesmo uma taxa extra para o passageiro que deixar para fazer o check-in no balcão do aeroporto (o check-in pela internet não tem custo).

A cobrança de bagagem despachada na Flybondi é feita de acordo com o peso da bagagem. Para despachar uma mala de até 12 quilos, o valor é R$ 84,56 por trecho. Se a mala tiver até 20 quilos, o preço sobe para R$ 110,70. Se precisar de mais peso, o passageiro pode comprar cinco quilos adicionais por mais R$ 25,60.

Em Buenos Aires, a Flybondi opera em um aeroporto alternativo. O El Palomar era uma antiga base aérea militar que passou a receber voos comerciais com a chegada das low cost ao país. O aeroporto é pequeno e não conta com praticamente nenhum serviço aos passageiros. Para a alimentação, há apenas um food truck do lado de fora do aeroporto e um quiosque de salgados na sala de embarque.

Aérea já tem voos para o Rio de Janeiro

A empresa estreou no Brasil em 11 de outubro com voos para o Rio de Janeiro. Em 19 de dezembro, iniciará voos também para Florianópolis.

O voo para o Rio de Janeiro começou com uma frequência de três voos semanais (quartas, sextas e domingos), mas a empresa já anunciou que a partir de dezembro terá um quarto voo semanal às segundas-feiras.

Na rota para Florianópolis, a empresa também iniciou as vendas com três frequências semanais, mas já anunciou a ampliação para quatro voos por semana (terças, quintas, sábados e domingos).

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.

Série sobre Santos Dumont usou réplica perfeita do 14 Bis; veja bastidores

UOL Notícias

Todos a Bordo