PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Todos a Bordo

Rússia testa novo avião turboélice que pode ser concorrente da Embraer

Novo turboélice russo Il-114-300 está em fase de teste de voo - Divulgação
Novo turboélice russo Il-114-300 está em fase de teste de voo Imagem: Divulgação

Vinícius Casagrande

Colaboração para o UOL, em São Paulo

31/01/2021 04h00

A fabricante russa de aviões Ilyushin está testando um novo avião comercial turboélice que poderá se tornar no futuro um concorrente da Embraer. É que a fabricante brasileira também tem planos de lançar, em breve, um turboélice. Os dois aviões disputariam o mesmo mercado.

O avião russo, no entanto, já está em fase mais avançada. O modelo Il-114-300 fez seu voo inaugural em dezembro do ano passado. A segunda decolagem ocorreu em meados deste mês.

"Vamos aumentar a intensidade dos voos de forma a garantir o dinamismo do programa de testes de certificação. A conclusão da certificação e o início das entregas em série estão planejadas para 2022", disse Sergei Ganin, designer-chefe do projeto.

Segundo a fabricante russa, o turboélice Il-114-300 é uma aeronave extremamente requisitada no país por ser confortável, confiável e capaz de pousar mesmo em aeródromos mal preparados.

"Pode se tornar a base para o desenvolvimento do transporte inter-regional. Nossa tarefa é colocá-lo no mercado o mais rápido possível", afirmou Anatoly Serdyukov, diretor industrial do cluster de aviação Rostec, que controla o grupo UAC e do qual a Ilyushin faz parte.

Projeto de 1990 modernizado

O Ilyushin Il-114-300 é uma versão modernizada de um projeto da década de 1990. O Il-114 original, no entanto, teve pouquíssima aceitação do mercado; apenas 20 unidades foram produzidas. Com a versão modernizada e em outro contexto histórico, a Ilyushin espera que o avião tenha uma aceitação bem diferente.

O programa de modernização e retomada da produção em série da aeronave regional de passageiros Il-114-300 foi determinado pelo presidente russo, Vladimir Putin. Segundo a Ilyushin, o projeto tem o objetivo de abastecer o mercado de transporte aéreo doméstico com aeronaves modernas de produção nacional na classe de aeronaves de passageiros de 52 a 64 assentos com carga útil de até sete toneladas.

Com essas características, o novo turboélice Il-114-300 seria um concorrente diretos de modelos como ATR-42, ATR-72 e Q400, mas também poderá disputar mercado com o futuro modelo da Embraer.

Projeto da Embraer

Turboélice Embraer - Divulgação - Divulgação
Ilustração mostra como deverá ser o novo avião turboélice da Embraer
Imagem: Divulgação

O novo avião da fabricante brasileira ainda está em fase de desenvolvimento. Até o momento, a Embraer divulgou apenas algumas ilustrações do que poderá ser a nova aeronave. Além da ilustração, foram divulgadas poucas informações sobre o avião, que deverá ter capacidade para menos de cem passageiros.

Para viabilizar o projeto, a Embraer busca parcerias internacionais. O plano para um novo avião turboélice vem sendo cogitado desde 2018. O projeto da fabricante brasileira é ser líder mundial na categoria até 150 assentos.

PUBLICIDADE