PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Cotações

Dólar cai 1,34%, maior queda em mais de um mês, e fecha a R$ 3,104

Do UOL, em São Paulo

17/04/2017 17h09

O dólar comercial fechou esta segunda-feira (17) em queda de 1,34%, cotado a R$ 3,104 na venda, no menor valor em quase duas semanas, desde 4 de abril (R$ 3,098). 

Foi a maior queda percentual diária em mais de um mês, desde 15 de março, quando havia caído 1,83%. Na semana passada, a moeda norte-americana acumulou desvalorização de 0,12%. 

O resultado da sessão foi influenciado pela decisão do governo de tentar manter a cronograma de votações das reformas da Previdência e trabalhista no Congresso Nacional, mesmo com as delações no âmbito da operação Lava Jato. As delações de executivos da Odebrecht envolveram diversos ministros do presidente Michel Temer e importantes políticos da base aliada. 

A leitura do parecer do relator da reforma da Previdência, Arthur Maia (PPS-BA), está prevista para amanhã.

A sessão também foi afetada pela intervenção do Banco Central, que ofertou 16 mil contratos equivalentes à venda futura de dólares, totalizando US$ 800 milhões. 

(Com Reuters)

Mais sobre Bolsa e dólar

  • UOL

    Direto da Bolsa

    Dólar e Bolsa são influenciados pelas notícias do dia. Leia os destaques de hoje aqui

  • Thinkstock

    UOL Invest

    O simulador de Bolsa UOL Invest é grátis e permite que você aprenda como investir e concorra a tablets e passagens aéreas. Acesse por computador e tablet (clique nesta mensagem) ou celular (digite ou copie: uolinvest.economia.uol.com.br)

  • Alex Almeida/Folhapress

    Consulte suas ações

    Quer saber o preço de suas ações preferidas? Consulte o UOL Cotações, veja gráficos no formato que quiser, desempenho no dia e histórico de 1 ano. Acesse por computador e tablet (clique nesta mensagem) ou celular (digite ou copie: http://uol.com/bfdNjz)

  • Shutterstock

    Histórico do dólar

    Precisa saber quanto estava custando o dólar, o euro, o peso argentino um tempo atrás? Veja o histórico do UOL Cotações de até 1 ano para as principais moedas do mundo. Acesse grátis por computador e tablet (clique nesta mensagem) ou celular (digite ou copie: http://uol.com/bwdPmd)

Cotações