Bolsas

Câmbio

Dólar fecha quase estável, a R$ 3,261, e Bolsa cai; Eletrobras tomba 7,36%

Do UOL, em São Paulo

dólar comercial fechou praticamente estável nesta quarta-feira (14), com leve queda de 0,03%, cotado a R$ 3,261 na venda. O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, caiu 0,39%, a 86.050,96 pontos, e registrou sua segunda queda consecutiva. Na véspera, a moeda norte-americana avançou 0,13%, e a Bolsa teve baixa de 0,59%.

Investidores estavam cautelosos diante de temores com uma possível guerra comercial global. Depois de anunciar taxas de importação para aço e alumínio, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump ,ameaça agora impor tarifas sobre US$ 60 bilhões de importações chinesas.

O Banco Central voltou a atuar no mercado de câmbio nesta quarta. A entidade vendeu todos os 14 mil contratos de swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares, que vencem em abril.

Ações da Eletrobras caem 7,36%

Entre os destaques da Bolsa, as ações da Eletrobras tiveram queda de 7,36%, a R$ 25,57, na maior baixa do dia. Na noite de terça-feira, a Câmara dos Deputados instalou comissão para iniciar discussão sobre privatização da companhia. No entanto, investidores veem dificuldades para aprovar a proposta.

Os papéis do Itáu Unibanco (-2,23%), do Banco do Brasil (-0,86%) e do Bradesco (-0,54%) também registraram baixas. Por outro lado, as ações da Petrobras (+1,22%) e da mineradora Vale (+1,12%) fecharam em alta. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos