ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Cotações

Dólar cai, a R$ 3,279, e Bolsa fecha quase estável; Suzano dispara 21,8%

Do UOL, em São Paulo

16/03/2018 17h20

dólar comercial fechou em queda de 0,35% nesta sexta-feira (16), cotado a R$ 3,279 na venda. O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, ficou praticamente estável, com leve baixa de 0,05%, a 84.886,48 pontos. 

Apesar de cair no dia, a moeda norte-americana termina a semana com alta acumulada de 0,85%, enquanto a Bolsa acumulou perda de 1,72% no período.

Investidores seguem atentos ao cenário externo em meio às preocupações com o avanço do tom protecionista dos Estados Unidos e temores de uma possível guerra comercial global. 

O mercado também estava de olho nos próximos passos do Federal Reserve, banco central norte-americano, com amplas apostas de que a entidade aumentará os juros na próxima semana. Com juros maiores nos EUA, recursos aplicados em outras economias, inclusive a brasileira, podem ser atraídos para lá. 

Suzano dispara e Fibria despenca

Entre os destaques da Bolsa, as ações da fabricante de papel e celulose Suzano dispararam 21,79% e lideraram os ganhos do Ibovespa, enquanto a Fibria despencou 10,22%. Nesta sexta, as duas empresas chegaram a um acordo de fusão.

Os papéis da Ambev (-1,13%), do Itaú Unibanco (-0,41%) e da mineradora Vale (-0,24%) fecharam em queda. Por outro lado, as ações da Petrobras (+1,08%) e do Bradesco (+0,26%) registraram alta. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

(Com Reuters)

Mais Cotações