IPCA
0.11 Ago.2019
Topo

Cotações


Dólar fecha estável, a R$ 4,095 na venda; Bolsa encerra com queda de 0,14%

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Do UOL*, em São Paulo

10/09/2019 17h03

O dólar comercial fechou o dia estável, com queda de 0,09% e cotado a R$ 4,0957 na venda.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, também encerrou o dia com queda de 0,14% aos 103.031,50 pontos.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para turistas, o valor sempre é maior.

China e EUA

A sessão de hoje foi marcada por uma volatilidade no mercado doméstico de câmbio, que monitora os desdobramentos das questões externas — como Brexit, guerra comercial entre China e EUA e a demissão assessor de Segurança Nacional norte-americano, John Bolton, pelo presidente do país.

Apesar da leve queda, mais cedo o dólar mostrava força contra o real pelo segundo dia seguido, em sessão de maior cautela no exterior, após dados econômicos fracos da China elevarem temores sobre uma desaceleração da economia global.

Para Italo Abucater, gerente de câmbio da Tullett Prebon, a moeda norte-americana continua seguindo a tendência das movimentações externas, acompanhando os dados econômicos das principais economias e aguardando por novos cortes de juros dos bancos centrais globais.

"Este vai ser um mês com mais saída (de fluxo), o que é bem normal, já que temos uma conjuntura global que favorece isso. Há uma cautela antes das decisões sobre juros com a proximidade das reuniões e isso também entra no preço."

O índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) da China caiu 0,8% em agosto contra um ano antes, aprofundando o declínio ante a taxa negativa de 0,3% de julho e contabilizando a pior contração ano a ano desde agosto de 2016, mostraram dados nesta terça-feira.

A divulgação dos números alimentou as expectativas já elevadas de mais estímulos econômicos por parte do governo da China. Em outras regiões, as apostas de cortes de juros por parte dos bancos centrais também seguiam elevadas. O Banco Central Europeu (BCE) anunciará na quinta-feira sua decisão de política monetária, seguido do Federal Reserve, que se reunirá nos dias 17 e 18 de setembro.

*Com informações da Reuters

Entenda como funciona o câmbio do dólar

UOL Notícias

Mais Cotações