IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Bolsa sobe 2%, e dólar opera quase estável, perto de R$ 5,19 na venda

Do UOL, em São Paulo

14/04/2020 09h36Atualizada em 14/04/2020 17h05

A Bolsa subia quase 2%, e o dólar operava quase estável hoje. Por volta das 15h45, o dólar comercial registrava leve alta de 0,05%, a R$ 5,188 na venda, e o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, operava ganhava 2%, a 80.419,31 pontos.

O movimento é alinhado a outras Bolsas no exterior, após uma queda menor do que a esperada nas exportações da China e com o começo da temporada de resultados das empresas nos Estados Unidos.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

Exportações na China

Na China, as exportações caíram 6,6% em março sobre o ano anterior. Economistas projetavam queda de 14% dos embarques em março.

"Os dados da balança comercial chinesa (mostram que) tanto importações como exportações tiveram quedas, mas quedas bem menores do que o mercado esperava", disse Filipe Villegas, estrategista da Genial Investimentos.

"Esses dados mostram que uma retomada gradual da economia chinesa está acontecendo, e que a cadeia mundial de suprimentos pode estar se adaptando melhor."

Além disso, segundo Villegas, sinais de enfraquecimento do contágio do coronavírus, principalmente na Europa, melhoravam o sentimento, com a possibilidade da suspensão de algumas restrições à atividade.

Entretanto, os investidores permaneciam extremamente receosos uma vez que a pandemia de coronavírus continua a destruir a economia global.

Ajuda a estados

No Brasil, a tarde está reservada para reunião do Conselho do governo um dia depois de a Câmara dos Deputados concluir a aprovação do projeto de compensação a Estados e municípios pela queda na arrecadação decorrente da crise do coronavírus. A matéria será agora encaminhada ao Senado.

Para o ministro da Economia, Paulo Guedes, a ajuda a Estados e municípios num modelo de compensação por perda de receitas com impostos seria uma irresponsabilidade e um cheque em branco.

Atuação do BC

O Banco Central ofertará neste pregão até 10 mil contratos de swap cambial com vencimento em outubro de 2020 e janeiro de 2021.

* Com Reuters

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.