Bolsas

Câmbio

BNDES lançará crédito a juro baixo para pequenos negócios ainda este mês

Da Agência Sebrae

  • Charles Damasceno/Agência Sebrae

    Reunião em que o BNDES anunciou nova linha de crédito às pequenas empresas

    Reunião em que o BNDES anunciou nova linha de crédito às pequenas empresas

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) apresentou na última quarta-feira (3) uma proposta de linha de crédito para capital de giro dedicada a empresas de pequeno porte, que faturam até R$ 360 mil por ano – estão nessa faixa 78% das microempresas brasileiras.

O objetivo é que ao final de fevereiro já estejam disponíveis empréstimos com taxas de até 18% ao ano. Vale lembrar que a esse percentual serão acrescidos os custos cobrados pelos operadores financeiros, que são os bancos comerciais que oferecem as linhas de crédito do BNDES.

Os empréstimos dessa linha devem ter garantia de 80% dos fundos garantidores (FGI – Fundo Garantidor para Investimentos, FGO – Fundo Garantidor de Operações e Fampe – Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas) e teto anual de R$ 30 mil por tomador.

Burocracia reduzida para os pequenos

A instituição orientará os gestores a reduzir a burocracia envolvida nessas operações, dispensando a apresentação de alguns documentos por parte dos tomadores de crédito.

"Queremos uma operação autossustentável, com foco no pequeno. Não é subsídio nem assistencialismo", afirmou o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, entidade na qual foi feito o anúncio do BNDES, após reunião com a presença também de representantes da ABDE (Associação Brasileira de Instituições Financeiras de Desenvolvimento), Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

No encontro, no entanto, não houve consenso sobre as taxas finais que serão praticadas pelos bancos comerciais junto aos pequenos empreendedores.

Os participantes do encontro se comprometeram a realizar novos cálculos e orientar os sistemas de tecnologia da informação das instituições financeiras para viabilizar o novo produto. Um próximo encontro para debater o crédito aos pequenos empreendimentos foi marcado para o dia 17 de fevereiro, na sede do Sebrae.

Na reunião de terça-feira (2), o banco de desenvolvimento já havia anunciado que o prazo de amortização do Cartão BNDES será ampliado de 48 para 60 meses. Outros ajustes estão sendo acertados para aumentar a atratividade do cartão, sem onerar o cliente final, a exemplo do uso do FAMPE como garantidor.

 
 

 

Esqueçam o emprego e sejam empreendedores, diz Nobel da paz
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos