Bolsas

Câmbio

Espumante é vendido em carrinho de sorvete na praia por R$ 20 a R$ 345

Carlos Brazil

Colaboração para o UOL, em São Paulo

Praia combina com cerveja e caipirinha? Para a empresa Champ's da Praia, também dá para encaixar um espumante. Por isso lançou em dezembro de 2015 o serviço de venda desse tipo de bebida em carrinhos parecidos com os de sorvete, que percorrem a orla de três localidades do Rio Grande do Sul: Xangri-Lá, Capão da Canoa e Atlântida.

"Nossa ideia surgiu por sermos consumidores de espumantes na praia. Não existia um serviço que atendesse a nossa demanda", diz Larissa Calheiros, 32, psicóloga e empresária que, junto com o marido administrador de empresas, Gazi Nóbrega, 35, criou o negócio.

Com a ideia na cabeça, avaliaram a viabilidade do negócio com as prefeituras das cidades vizinhas de Capão da Canoa e Xangri-Lá, onde ficam as três praias atendidas. Montaram um planejamento e lançaram um projeto piloto, que logo foi ampliado.

Hoje, os empresários possuem três carrinhos de venda de espumantes que percorrem aquelas praias gaúchas, além de atenderem a eventos e festas particulares. Como o serviço tem pouco mais de um mês, o faturamento ainda não foi apurado, mas Calheiros se diz contente com os resultados obtidos.

Taça de espumante custa R$ 20

A Champ's da Praia vende a taça de espumante nacional por R$ 20. Se o cliente reaproveitar a taça para a próxima dose, o preço cai por R$ 15.

Se quiser comprar a garrafa inteira, o nacional custa a partir de R$ 65. Espumante e champanhe franceses só em garrafa (R$ 179 e R$ 345, respectivamente)

Quem compra a garrafa pode adquirir, por R$ 10, uma sacola térmica de plástico com gelo.

O tipo de serviço prestado pela Champ's da Praia não é inédito no Brasil, pois a produtora de vinhos Miolo usou o modelo a partir de dezembro de 2009, com carrinhos para a venda de espumantes da marca em praias de Santa Catarina e Rio de Janeiro. Atualmente, ela não emprega mais a estratégia de venda.

Aceita pedidos por WhatsApp

A empresária diz que parte do sucesso do empreendimento se deve à aposta que fizeram em oferecer um atendimento de qualidade e com diferenciais. Um dos destaques é que podem ser feito pedidos pelo serviço de mensagens WhatsApp, quando os carrinhos estiverem longe. 

Os espumantes são vendidos de sexta a domingo, em taças de 160 ml, ou em garrafas de 750 ml. As taças são de acrílico de várias cores. Ao consumir a bebida, o cliente recebe a taça como brinde. As garrafas vão acompanhadas de duas taças.

Divulgação
Taças da Champ's da Praia

Montar negócio custou R$ 40 mil

Foram investidos R$ 40 mil no negócio, incluindo a compra dos carrinhos, uniformes, materiais, produtos e marketing. "Já estudamos uma expansão para o próximo verão", diz a empresária, que tem projetos de atuar no inverno e também em Porto Alegre. 

A administradora Livia Kruel, 33, uma das clientes da Champ's da Praia, diz ter gostado da novidade. "Para mim, foi demais. Sempre levava espumante para a praia, mas acabava tomando quente ou tinha de carregar um cooler", diz. 

É inovador, mas tem de planejar

A professora de Marketing da FGV-RS (Fundação Getúlio Vargas do Rio Grande do Sul) Simone Simon, 40, elogiou a iniciativa dos donos da Champ's da Praia. "Eles foram muito bem-sucedidos ao diversificar o ponto de venda, que é algo que traz características inovadoras para esse tipo de produto."

Mas ela diz que nem toda boa ideia gera bons negócios. "Infelizmente, essa regra não é verdadeira. Um bom negócio precisa muito mais do que uma boa ideia", citando a necessidade de planejamento, análise de hábitos de consumo e da concorrência e boas práticas de gestão.

Onde encontrar:

Champ's da Praia - http://www.champsdapraia.com.br/

Especialista explica como empreender sem medo

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Assine e receba em seu e-mail em dois boletins diários, as principais notícias do dia

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos