Bolsas

Câmbio

Franquia de churros monta ovo de Páscoa na hora com 1.900 combinações

Larissa Coldibeli

Colaboração para o UOL, em São Paulo

A franquia de churros gourmet El Churrito aposta em um ovo de colher montado na hora, com recheios e coberturas à escolha do cliente, para vender mais na Páscoa. São nove opções de recheio e sete de coberturas. O cliente pode escolher até dois recheios e duas coberturas.

Com isso, os arranjos permitem mais de 1.900 combinações. Para chegar a esse cálculo, não se faz uma conta simples de multiplicação. É um cálculo mais complexo de análise combinatória (combinação). 

Os recheios são de doce de leite, chocolate, morango, beijinho, goiabada, prestígio, sensação, Nutella e Romeu e Julieta. Para cobertura, as opções são granulado de chocolate, granulado colorido, amendoim, coco ralado, Confeti , Ovomaltine e chocoball. O ovo ainda vem com biscoitos de churros na cobertura.

Os ovos também levam no recheio biscoitos de churros (massa assada, mais dura que os churros tradicionais). Cada ovo, que pesa cerca de 340g, custa R$ 25 ou R$ 30 (com recheio de Nutella). Os ovos são montados na frente do cliente, no mesmo estilo de algumas redes de lanchonete.

"A ideia foi unir a possibilidade de personalização dos ovos de Páscoa caseiros, feitos por encomenda, com a praticidade do fast food", diz a empresária Daniela Alcalde, 36.

Quer vender R$ 200 mil até a Páscoa

A expectativa é vender mais de 500 unidades por loja no período que antecede a Páscoa. O faturamento aguardado é de cerca de R$ 200 mil somente com a venda do ovo de Páscoa.

O El Churrito possui 28 unidades em funcionamento na Grande São Paulo, mas o ovo de Páscoa só está disponível em 13 lojas. O produto começou a ser vendido no dia 14 de março. Também é possível comprar pela internet e retirar o produto em uma das lojas que participam da ação.

"Como desenvolvemos o produto um pouco em cima da hora, deixamos os franqueados livres para escolherem se queriam vendê-lo ou não. A resposta até agora tem sido muito positiva", diz a empresária. O investimento para vender o novo produto é baixo, segundo a empresária, porque os recheios e coberturas usados são os mesmos disponíveis para os churros.

O investimento inicial para a franquia El Churrito é a partir de R$ 100 mil, com custos de instalação, taxa de franquia e capital de giro. O faturamento médio mensal é de R$ 30 mil, com lucro de 27,5%, ou seja, R$ 8.250. O retorno do investimento se dá a partir de 13 meses. Os dados são da empresa. 

Lojas deveriam manter padrão, diz professor

Para Alberto Ajzental, professor de estratégia de negócios na FGV (Fundação Getúlio Vargas), a empresa acerta com o novo produto, pois a personalização ajuda o negócio a se diferenciar da concorrência. "É lúdico para quem compra e especial para quem recebe como presente", afirma.

No entanto, ele diz que, por ser uma rede de franquias, o novo produto deveria ter sua aceitação testada antes pela franqueadora e depois ser replicado em todas as lojas da rede, para manter o padrão, que é a essência do sistema de franchising.

Ele diz que a empresa deve mensurar os resultados obtidos neste ano para planejar ações como essa com mais calma futuramente. "Isso pode ser feito também com panetones na época de Natal. O importante é a empresa se perceber como uma empresa de personalização, de recheios, não apenas de churros", afirma.

Onde encontrar:

El Churrito: www.elchurrito.com

CONSULTORES DÃO DICAS PARA ESCOLHER UMA FRANQUIA

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos