IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Empreendedorismo


Café criado no RS promete emagrecer; médico diz não haver evidências

Brain Coffee Ice, Bullet Cream e Brain Coffee são produtos da empresa Betterlifebr - Divulgação
Brain Coffee Ice, Bullet Cream e Brain Coffee são produtos da empresa Betterlifebr Imagem: Divulgação

Claudia Varella

Colaboração para o UOL, em São Paulo

09/08/2019 04h00

A Betterlifebr, em Novo Hamburgo (RS), criou um café que, diz a empresa, auxilia no processo de emagrecimento. Isso porque ele tem o suplemento MCT (triglicerídeos de cadeia média, na sigla em inglês), que aceleraria o metabolismo. Médico endocrinologista diz, no entanto, que estudos não demonstram os benefícios.

"O produto traz benefícios funcionais para a saúde, como disposição e energia, ao mesmo tempo em que é um excelente pré-treino para quem se exercita regularmente, pois ajuda a queimar gorduras. Associado a uma estratégia alimentar de baixo índice glicêmico, o Brain Coffee ajuda no emagrecimento, reduzindo o apetite", afirmou Keli Rosa, 34, sócia da empresa junto com Max Schmitt, 38.

O Brain Coffee, da Betterlifebr, custa R$ 114 (pote com 200 g) - Divulgação
O Brain Coffee, da Betterlifebr, custa R$ 114 (pote com 200 g)
Imagem: Divulgação

A fórmula do Brain Coffee, que contêm também baunilha, taurina, cafeína, ácido málico, pimenta caiena, canela e cacau 100%, foi desenvolvida pela própria empresa em conjunto com nutricionistas.

O produto é vegano e custa R$ 114 (pote com 200 gramas, o que equivale a 20 doses do café). Também pode ser adquirido em sachês (R$ 128 com 20 doses).

Outros dois produtos criados pela Betterlifebr são:

  • Brain Coffee Ice: É uma versão do Brain Coffee tradicional, mas sem a pimenta caiena e com adição de fibras que prometem regular o intestino. Pode ser consumido quente ou gelado. Custa R$ 116,90 (pote com 200 gramas, o que equivale a 20 doses do café) e R$ 130 (com 20 sachês).
  • Bullet Cream: É um achocolatado em pó com MCT e FOS (frutooligossacarideos, fibras que regularizam a flora intestinal), que melhora as funções intestinais, estimula o metabolismo, reduz a glicemia e a absorção de gorduras (triglicerídeos e colesterol), além de ajudar a regular a pressão arterial. Custa R$ 102 (pote com 240 gramas, o que equivale a 16 doses do achocolatado) e R$ 118 (16 sachês).

Os produtos são vendidos no site da Betterlifebr e em cerca de 1.200 pontos de venda no país. De acordo com a empresa, foram investidos R$ 150 mil no desenvolvimento dos três produtos. Faturamento e lucro médio mensal não foram revelados.

Estudos com o MCT não demonstram efeito no metabolismo

O endocrinologista Flávio Cadegiani, PhD em Endocrinologia Clínica pela Unifesp e membro da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, disse que estudos não demonstraram nenhum benefício adicionais do MCT em termos de metabolismo.

"Em estudos já realizados sobre o MCT não se observou nenhum efeito no metabolismo. Ele não potencializa a queima de calorias em pessoas que o consomem durante uma refeição, e tampouco longe da refeição. Certamente tomar apenas o café não irá fazer a pessoa emagrecer", afirmou.

Segundo ele, o MCT pode apresentar efeito de saciedade, mas não se mostrou superior a outros tipos de óleo que produzem o mesmo efeito.

Onde encontrar:

Betterlifebr - https://www.betterlifebr.com.br/loja/

Cafeteria britânica desenha "selfie" do cliente em espuma do café

Band News

Mais Empreendedorismo