Opinião

Conheça a estratégia infalível para ter sucesso em 2024

A vida é uma credora sábia. Ela nos concede um precioso intervalo de tempo, mas não diz qual será a duração dele. Com isso, a gente tem espaço para exercer o nosso livre-arbítrio. Cabe a nós decidirmos o que fazer com ele. 2024 está batendo à porta. Alguns estão mais preocupados com presentes, ceia e Réveillon. Outros pensam mais sobre o que desejam para o próximo ano. A verdade é que o sucesso espera por aqueles que decidem agir. Aqueles que seguirem fazendo como sempre fizeram já conhecem o resultado. E você, quer ser bem-sucedido ou está conformado com seus resultados?

O caminho das pessoas de sucesso

Pessoas de sucesso estão sempre em movimento, elas questionam seu status quo e buscam agir de modo diferente para obter melhores resultados. E não precisa de grandes mudanças: um olhar curioso que questione algo habitual, uma palavra diferente na comunicação com os clientes, uma pausa para um café com alguém de fora do time, todas essas são oportunidades de experimentar novos caminhos e fazer diferente. É isso que impulsiona nosso desenvolvimento.

Planos de ação para 2024. Por exemplo, aquele vendedor, comissionado em 2022 com R$ 3.000 por mês, em 2023 ajustou sua forma de abordar os clientes e performou R$ 8.000 por mês; para 2024 já tem um novo plano de ação que o levará aos R$ 12 mil mensais desejados. Ele já não é mais a mesma pessoa de 2022. Outro exemplo é o empresário que faturou R$ 1,5 milhão em 2022, tomou decisões diferentes ao longo de 2023 e está fechando o ano com R$ 4 milhões de faturamento. Para 2024, ele já tem no seu radar o que fará de diferente para atingir a meta de R$ 10 milhões.

Aprender com os diferentes desafios da vida é uma decisão nossa, assim como apenas lamentá-los. Considere que não mudar é, também, uma decisão! Aos conformados, a quem popularmente é atribuída a Síndrome de Gabriela: "Eu nasci assim, eu cresci assim. E sou mesmo assim, vou ser sempre assim. Gabriela, sempre Gabriela!", saibam que está em suas mãos o poder de construir algo muito melhor.

Então, quem você decide ser neste novo ano? Um empresário? Desde já pense e haja como tal. Se não sabe como fazer isso, escolha alguém que você admira e siga o exemplo. Converse com a pessoa, acompanhe suas publicações nas redes sociais, vá aos eventos em que ele participa, leia os livros e filmes que ele recomenda. Isso te preparará e o tornará mais próximo do que deseja ser. É um começo.

A hora é agora

Se quer ser um investidor, comece agora. Não espere pagar suas dívidas, tampouco receber um aumento de salário. Agir é a palavra de ordem. Defina um valor (R$ 10, R$ 500 ou qualquer outro) e invista. Por pouco que seja, será a recorrência que fará o maior trabalho para você. E depois que juntar um pouquinho, a motivação para mais virá naturalmente.

Não espere por situações ideais, elas nunca chegam simplesmente porque não existem. Decida ser e comece o processo agindo. Coloque-se em movimento e perceba como tudo a sua volta muda. Faça o que precisa ser feito e desde já comece a se transformar na pessoa que você quer ser. Feliz 2024!

Continua após a publicidade

Quer saber como economizar e investir, além do que está acontecendo na economia? Conheça e siga o novo canal do UOL "Economize e Invista" no WhatsApp.

Aulão: Entenda suas emoções para investir melhor seu dinheiro

Não adianta só entender como funciona cada tipo de investimento. Para investir bem, você precisa entender o seu perfil e como suas emoções podem ajudar ou atrapalhar nas escolhas que você faz com seu dinheiro. Pensando nisso, o UOL preparou uma série de três lives para falar sobre o universo das finanças comportamentais, para ajudar os investidores a usar as emoções a seu favor e tomar decisões mais inteligentes e rentáveis.

A primeira live mostra que, no momento de fazer escolhas dos investimentos, não são só questões racionais que interferem. Há as influências e os erros na forma de perceber as informações. O segundo aulão mostra como sua mentalidade te atrapalha na hora de escolher os melhores investimentos. O terceiro fala sobre como lidar com suas emoções para tomar decisões mais inteligentes e rentáveis nos investimentos.

Assista ao aulão no Papo com Especialista, programa ao vivo do UOL, todas as quintas-feiras, das 16h às 16h40. Assine aqui e participe!

A última série do Papo com Especialista foi sobre Como sair das dívidas e ter mais dinheiro para investir e realizar sonhos. Para saber mais, acesse este link.

Continua após a publicidade

Quer investir melhor? Receba dicas no seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido? O UOL tem uma newsletter diária gratuita que o ajuda nesse objetivo. Assine o Por Dentro da Bolsa aqui. Você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pela equipe do PagBank Investimentos para aprender a investir melhor.

Você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor o seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita de investimentos do UOL, é só clicar aqui. UOL Investimentos ainda tem diversos conteúdos diários que te ajudam a lidar melhor com seu dinheiro.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envie sua pergunta para uoleconomiafinancas@uol.com.br.

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

O UOL Economia é de propriedade do Universo Online S.A., sociedade que controla as empresas do Grupo UOL. O Grupo UOL tem em sua composição empresas que exercem atividades reguladas no setor financeiro. Apesar de o Grupo UOL estar sob controle comum, os executivos responsáveis pelo Banco Seguro S.A. são totalmente independentes e as notícias, matérias e opiniões veiculadas no portal tem como único objetivo fornecer ao público elementos a título educacional e informativo sobre o mercado e produtos financeiros, sendo baseadas em dados de conhecimento público na data de sua divulgação, conforme fontes devidamente indicadas, e condições mercadológicas externas ao Grupo UOL que podem ser alteradas a qualquer momento, mas sem constituir qualquer tipo de relatório de análise, recomendação, oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes