PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Onde investir? Corretora indica empresas de energia, telefonia e etanol

Getty Images
Imagem: Getty Images
Conteúdo exclusivo para assinantes

Lílian Cunha

Colaboração para o UOL, em São Paulo

04/05/2022 15h45

As ações da Raízen (RAIZ4) — dona dos postos Shell —, da empresa de energia EDP (ENBR3) e da concessionária de telefonia Tim (TIMS3) são algumas das apostas da Toro Investimentos para maio.

Descubra logo abaixo o porquê da corretora indicar cada uma dessas empresas aos investidores.

Em abril, a seleção da Toro teve resultado negativo de 13,51% — abaixo do Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores brasileira (B3), que ficou em 10,1%. No acumulado do ano o desempenho também é negativo em 19,08%.

Raízen (RAIZ4)

Para a corretora, a Raízen (RAIZ4) — que atua no setor de comercialização e produção de etanol, açúcar, combustíveis e bioenergia — tem uma estratégia de expansão por meio de aquisições, como a compra da Biosev.

Isso, segundo a Toro, possibilitou um aumento significativo da sua capacidade de produção. Além disso, a companhia é uma boa aposta por ter uma atuação bem diversificada.

Energias do Brasil - EDP (ENBR3)

A Energias do Brasil (ENBR3, conhecida como EDP, é atraente aos analistas da Toro, porque sua fonte de receita proveniente de contratos de concessão é ajustada pela inflação do período.

Essa previsibilidade de ganhos, de acordo com a corretora, é boa aos acionistas que detêm papéis da EDP.

Tim (TIMS3)

A Tim (TIMS3) foi escolhida para a carteira de investimentos de maio, pois encerrou o ano de 2021 com 52 milhões de clientes. Desse total, 44% são pós-pagos, segmento que, segundo a Toro, costuma gerar maior receita e apresentar menor rotatividade.

"A pandemia não impactou de forma severa os números da Tim, que continuou a entregar lucro líquido satisfatório e a gerar caixa", declara a corretora.

Com o fechamento da compra dos ativos da operação móvel da Oi, a Toro acredita que a companhia telefônia tem potencial para aumentar o desenvolvimento do setor de telecomunicações.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.