PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Fundação dos prêmios Nobel abandona o setor do petróleo

Cerimônia de entrega do Prêmio Nobel em 2019 - Alexander Mahmoud/Nobel Prize
Cerimônia de entrega do Prêmio Nobel em 2019 Imagem: Alexander Mahmoud/Nobel Prize

Da AFP, em Estocolmo

20/07/2021 10h24Atualizada em 20/07/2021 16h36

A fundação dos prêmios Nobel anunciou hoje que vendeu suas ações no setor do petróleo, após ter abandonado antes suas participações na indústria do carvão.

"Este ano vendemos nossas ações no petróleo", anunciou à emissora de rádio sueca SR Vidar Helgesen, o novo responsável desta fundação que financia e organiza os famosos prêmios suecos e cuja sede se encontra em Estocolmo.

Segundo um ex-ministro norueguês do Meio Ambiente, este investimento de cerca de 350 milhões de coronas suecas (40,2 milhões de dólares) estava destinado a um fundo sem "restrições suficentemente fortes em relação ao petróleo".

Helgesen reconheceu que para os premiados do Nobel é importante saber de onde vem o dinheiro que financia os prêmios.

"As pessoas esperam que qualquer um com capital e investimentos" atue nos mercados "com prudência", afirmou.

Criada a partir do testamento do inventor sueco Alfred Nobel (1833-1896), criador da dinamite e dos famosos prêmios, a Fundação Nobel dispõe de investimentos de 4,8 bilhões de coronas suecas (550 milhões de dólares), segundo seu último balanço.

Esta organização recebeu muitas críticas nos últimos anos pelos seus investimentos em setores polêmicos, como o de armas ou de tabaco.

Os Nobel premiam aqueles que agiram "em benefício da humanidade" e concedem uma recompensa econômica de 10 milhões de coronas suecas (1,15 milhão de dólares) em cada uma de suas categorias.

PUBLICIDADE