Bolsas

Câmbio

Governo suspende a venda de 41 planos de saúde de 10 operadoras no país

Do UOL, em São Paulo

  • Shutterstock

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) decidiu, nesta sexta-feira (1º), suspender temporariamente a venda de 41 planos de saúde de dez operadoras por causa de reclamações dos clientes. A suspensão começa a valer a partir da próxima sexta-feira (8). 

A lista com todos os planos suspensos pode ser vista no site da ANS

Nada muda para quem já é cliente

Os planos de saúde suspensos têm, juntos, 175,1 mil clientes. Para quem já é cliente, nada muda.

O objetivo é evitar que as operadoras vendam seus produtos a novos clientes antes de resolverem os atuais problemas.

Demora no atendimento e exames negados

Entre as reclamações estão problemas com a cobertura do plano, como demora no atendimento e exames negados. No 2º trimestre desse ano, a ANS recebeu cerca de 15 mil reclamações de clientes por meio de seus canais de atendimento. 

Se melhorarem o serviço prestado e tiverem redução do número de reclamações, as operadoras poderão ter a comercialização liberada daqui a três meses, de acordo com a ANS.

De volta ao mercado

Paralelamente, 13 operadoras poderão voltar a comercializar 33 planos que estavam impedidos de serem vendidos. De acordo com a agência, isso acontece quando há comprovada melhoria no atendimento aos clientes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos