PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Bolsonaro anuncia bandeira verde na conta de luz a partir do dia 16

A bandeira de escassez hídric tem o valor de R$ 14,20 por 100 kWh - Getty Images/iStock
A bandeira de escassez hídric tem o valor de R$ 14,20 por 100 kWh Imagem: Getty Images/iStock

Do UOL, em São Paulo

06/04/2022 18h52

O presidente Jair Bolsonaro (PL) anunciou hoje a mudança na conta de luz para a bandeira verde. A redução, de cerca de 20%, passa a valer no próximo dia 16.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, os reservatórios estão mais cheios que no ano passado e "o risco de falta de energia foi totalmente afastado". De acordo com o comunicado do governo, o reservatório da usina de Furnas terminou março acima de 80% do volume útil, e a operação da hidrovia Tietê-Paraná foi retomada.

Com isso, o governo federal estará antecipando o fim da bandeira de escassez hídrica, que possui taxa no valor de R$ 14,20 por 100 kWh. Criada em setembro do ano passado, a tarifa representou um aumento de quase 50% em relação à bandeira vermelha patamar 2, que era aplicada antes. À época, o país vivia a pior crise hídrica em 90 anos.

Quando a bandeira de escassez hídrica foi anunciada, a previsão era de que ela ficasse em vigor até 30 de abril deste ano. Ainda em outubro do ano passado, o presidente Bolsonaro chegou a dizer que determinaria o fim da tarifa ao ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque.

O objetivo das bandeiras tarifárias é remunerar o uso de usinas termelétricas, que têm custo mais alto. As termelétricas passaram a ser utilizadas por causa da seca, que diminuiu o reservatório de hidrelétricas e prejudicou a geração de energia.