Tenda espera fechar 2017 com R$1,6 bi em lançamentos, alta de 20%

SÃO PAULO (Reuters) - A construtora de imóveis econômicos Tenda espera encerrar 2017 com 1,6 bilhão de reais em lançamentos, alta de 20 por cento sobre o ano passado, disse nesta quarta-feira o diretor-presidente da companhia, Rodrigo Osmo.

De acordo com ele, a empresa vem se empenhando em uma série de iniciativas para ganho de produtividade, entre elas a verticalização das operações. A Tenda espera ter 90 por cento de mão-de-obra própria até o fim de 2018. “Queremos ter funcionários próprios e desintermediar o fornecedor cuja qualidade era baixa”, disse Osmo em encontro com investidores e analistas.

O executivo afirmou ainda que a companhia busca ganhar escala e que as despesas gerais e administrativas podem crescer acima da inflação nos próximos meses. Ainda segundo Osmo, as contingências judiciais devem seguir impactando os resultados em 2018. “Só esperamos uma redução disso a partir de 2019”, comentou.

(Por Gabriela Mello)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos