IPCA
0,42 Mar.2024
Topo

A Companhia

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Lucro de administradora de shopping subiu 70% em 2022; vale investir agora?

Morumbi Shopping, da rede Multiplan - 3.jun.2021/Mathilde Missioneiro/Folhapress
Morumbi Shopping, da rede Multiplan Imagem: 3.jun.2021/Mathilde Missioneiro/Folhapress

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/03/2023 09h27

Esta é a versão online da newsletter A Companhia enviada hoje (28). Quer receber antes o boletim e diretamente no seu email? Clique aqui. Os assinantes UOL ainda podem receber dez newsletters exclusivas toda semana.

O destaque da semana na newsletter A Companhia é a Multiplan, administradora de shoppings e empreendimentos imobiliários, escolhida por Pedro Serra, chefe de pesquisas da Ativa Investimentos.

"A empresa vem apresentando bons resultados, com números recordes, reflexo de seu sólido portfólio", diz o analista. "Temos visto também uma recuperação nas taxas de ocupação e boa alocação no mix de empreendimentos."

No quarto trimestre do ano passado, a companhia obteve lucro líquido de R$ 239 milhões, com alta de 12% frente a igual período de 2021. No acumulado de 2022, o lucro aumentou 70%, atingindo o recorde de R$ 769 milhões.

A geração operacional de caixa da Multiplan, medida pelo Ebitda, também fechou 2022 como a maior da história, totalizando quase R$ 1,3 bilhão. O volume ficou 58% maior em relação ao ano anterior, impulsionado pela receita de locação.

Neste ano, as ações da empresa (MULT3) registram ganho de 7%, até 23 de março, conforme dados do TradeMap, hub independente do mercado financeiro. Em 2022, os papéis acumularam valorização de 20,7%.

Saiba mais sobre a Multiplan

A companhia, que já figurou nesta newsletter, é uma das maiores administradoras de shoppings do Brasil, tendo em seu portfólio empreendimentos como o Morumbi, Vila Olímpia e Anália Franco, em São Paulo; e o BarraShopping e VillageMall, no Rio.

Ao fim de 2022, a área bruta locável (ABL) dos 20 shoppings do grupo alcançava cerca de 876 mil metros quadrados, que originaram vendas de R$ 20 bilhões nos últimos 12 meses, segundo dados da companhia.

Adicionalmente, a empresa possui dois conjuntos de torres comerciais, com ABL total de aproximadamente 51 mil metros quadrados.

LEIA MAIS NA NEWSLETTER

Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.