PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Descomplique

Três gastos desnecessários que a maioria dos adultos brasileiros faz

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Júlia Mendonça

Júlia Mendonça é formada em comércio exterior pela Universidade Positivo. Atuou como planejadora financeira entre 2015 e 2018. Especialista em orientação e planejamento financeiro pessoal, é coach e consultora de finanças, pós-graduada em investimentos, finanças e banking. É influenciadora digital no nicho de finanças e investimentos em um dos maiores canais do assunto na área do Brasil.

15/09/2020 04h00

Passamos a vida lutando contra as finanças. Aperta o orçamento daqui, faz um empréstimo ali, parcela uma compra a perder de vista. Nosso poder de compra é muito pequeno, mesmo assim ainda abusamos de alguns gastos que não precisam ser tão grandes assim. Separei os grandes buracos no orçamento de qualquer família e vou dar dicas do que você deve fazer para fugir deles.

Festas

Comemorar é muito bom. Estar perto de amigos e familiares realmente é algo ótimo. O que não é tão bom assim é quando você gasta uma quantidade enorme de dinheiro que não poderia gastar com aquilo.

É mesversário de bebê que mais parece festa de 15 anos, festa de debutante que parece casamento, e bodas que parecem megashows. Se essa é a sua realidade e seus ganhos comportam tranquilamente isso, não tem problema nenhum, mas isso não é a realidade de muitas pessoas.

Já vi pessoas pegando empréstimo, vendendo carro e se endividando apenas para poderem pagar essas extravagâncias. Acredite, até consignado para festa de casamento já existe!

De maneira nenhuma essas comemorações devem virar uma tristeza para sua vida e seu bolso. Você tem que ser consciente de quanto pode gastar e fazer a festa que caiba perfeitamente dentro dos seus ganhos. Se tiver que fazer muitos sacrifícios para realizar isso, por mais dolorido que seja, reveja seu planejamento e procure uma opção mais em conta.

Se sua preocupação é com o que os outros irão falar, o que comentarão sobre sua festa, tenha certeza de uma coisa: essas pessoas não deveriam jamais ser seus convidados, pois amigas elas não são. Dívidas para festejar é o que não dá para entrar na sua lista, jamais.

Ostentação

Quanto mais aparentamos ter, mais bem-sucedidos somos. Essa é uma ideia completamente errada e absurda, pois, infelizmente, muitos acabam caindo na ideia de precisarem exibir bens de consumo para fingirem uma vida que não têm.

É celular novo a cada modelo que é lançado, carros caros, roupas de marca e viagens para lugares dos sonhos, tudo isso apenas para impressionar outras pessoas e aparentar que você se deu bem na vida.

Nada justifica viver um padrão de vida alto apenas por ostentação. Não é nada aceitável passar sua vida inteira correndo atrás de ter mais dinheiro para poder gastar mais dinheiro mostrando para os outros que você conseguiu ganhar mais. É um ciclo sem fim e, infelizmente, o único prejudicado nisso é você mesmo. As pessoas que você está tentando impressionar não vão auxiliar a pagar os boletos das dívidas que você está gerando.

Compras

Shopping é uma verdadeira cilada para quem não quer ou não pode gastar dinheiro. Cada ida que você faz é estacionamento que paga, comida que consome, uma comprinha que faz por impulso, um cineminha com pipoca para relaxar e, quando menos percebe, lá se foram mais de R$ 100 em poucas horas.

Coloque na sua cabeça que shopping não é lugar para passear, mas sim um lugar de compras, onde você entra já sabendo o que deseja comprar, vai diretamente para o lugar e saí de lá o mais rápido possível. Se você dá bobeira de ficar por ali, caminhando despretensiosamente, quando menos perceber, algumas sacolas de compra aparecerão nas suas mãos.

Claro que temos que ter lazer, comemorar e ter bens que nos deixam felizes. O que não podemos fazer é dívidas para poder ter acesso a esses itens ou querer algo que está num padrão muito acima da nossa vida atualmente. Já cometi todos esses gastos, mas hoje percebo que não fazem mais sentido para o que quero. E você, ainda tem algum que faz?

Descomplique: Compensa comprar um carro ou usar aplicativos como Uber?

UOL Notícias

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL