PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Econoweek

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Quanto rende investir R$ 200 por mês no Tesouro Direto? Fizemos as contas

Conteúdo exclusivo para assinantes
Yolanda Fordelone

Yolanda Fordelone

Yolanda Fordelone é economista e jornalista, teve passagens por grandes jornais nas áreas de economia e finanças, foi professora em um curso de graduação em Economia e hoje coordena uma equipe em um aplicativo de gestão financeira. Além disso, se dedica às finanças pessoais no Econoweek.

14/09/2021 04h00

Muita gente não investe porque pensa o seguinte: tenho tão pouco para aplicar todo mês que prefiro gastar agora do que guardar para o futuro. Presa a esse pensamento, a pessoa fica esperando ganhar melhor, receber uma grana extra como o 13º salário ou ver quanto sobra para começar a investir.

Não espere esse dia chegar. A consistência faz diferença quando a gente está falando de um investimento que vai durar anos, o famoso longo prazo. Vamos te provar justamente isso.

Talvez você já tenha tido a sensação de que não valia a pena investir por ser pouco dinheiro. Em teoria econômica, essepensamento tem nome: escolha temporal. Em outras palavras, a pessoa prefere ter um ganho no presente, associado ao prazer, ao invés de fazer um esforço no presente para ganhar no futuro.

Quem sabe um pouco de cálculo não ajude você a mudar esse pensamento.

Tesouro Direto e a calculadora

O Tesouro Direto possui calculadoras na página em que exibe os títulos públicos disponíveis no momento. Para fazer o cálculo que falamos no vídeo acima, vamos usar a calculadora do Tesouro Direto, mas vamos entender antes o que é Tesouro Direto.

O Tesouro Direto é uma plataforma do governo de venda de títulos públicos. Quando você investe, está emprestando dinheiro para o governo pagar os gastos, seja em transporte, saúde, os salários, ou em outra área.

Em contrapartida, o governo se compromete a devolver o dinheiro em uma data futura, já combinada, acrescido de juros.

Existem três tipos de título:

  • prefixados: juros são fixos. No momento da compra, a pessoa já sabe a rentabilidade e ela não muda se o investidor ficar até o vencimento.
  • pós-fixados: acompanham a Selic, taxa básica de juros da economia. Se ela sobe, o rendimento sobe, se ela cai, o rendimento cai junto.
  • de inflação: pagam um juro fixo mais IPCA, índice de inflação oficial do país.

Na calculadora, conforme mostramos no vídeo acima, há duas opções: informar quanto será investido por mês ou quanto deseja resgatar no futuro. Em nosso cálculo, vamos considerar a primeira alternativa.

Simulação

Consideramos que a pessoa aplicou R$ 1000, um dinheiro que estaria parado na poupança, por exemplo. Daí em diante passou a investir R$ 200 por mês. Veja quanto o investidor sacaria após pagamento do Imposto de Renda:

  • Tesouro Prefixado 2024: R$ 8.568
  • Tesouro Prefixado 2026: R$ 13.555
  • Tesouro Selic 2026: R$ 16.601
  • Tesouro IPCA 2026: R$ 15.246

No vídeo acima detalhamos o cálculo e comparamos com o rendimento na poupança.

Você já investe no Tesouro Direto? Comente abaixo ou nas nossas redes sociais (Instagram ou YouTube).

PUBLICIDADE

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL