Bolsas

Câmbio

Dólar sobe 0,7% após 3 quedas e fecha a R$ 3,161; na semana, recua 1,4%

Do UOL, em São Paulo

dólar comercial fechou esta sexta-feira (21) em alta de 0,69%, a R$ 3,161 na venda, interrompendo uma sequência de três quedas. 

Apesar da alta do dia, a moeda norte-americana encerra a semana com desvalorização de 1,37%. No mês, acumula queda de 2,8% e, no ano, perdas de 19,94%. 

Contexto brasileiro

A alta do dólar hoje foi um movimento de "ajuste", após a moeda ter caído 2,14% nas três sessões anteriores.

Investidores aproveitaram as cotações mais "baixas" para comprar a moeda. Quanto maior a procura, o preço tende a subir.

O dólar vem se desvalorizando recentemente devido a expectativas de entrada de recursos do Brasil, principalmente por causa da regularização de recursos de brasileiros no exterior.

A Receita Federal informou ter recebido cerca de 9.200 declarações no programa de regularização de ativos no exterior, somando R$ 61,3 bilhões em recursos regularizados e R$ 18,6 bilhões em impostos e multas.

Segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, o total de arrecadação com o programa de regularização deve chegar a R$ 80 bilhões.

Atuação do BC

Como nas últimas sessões, o Banco Central brasileiro ofertou 5.000 contratos de swap cambial reverso (equivalentes à compra futura de dólares). Todos foram vendidos.

Cenário externo

A alta do dólar hoje também acompanhou o movimento da moeda no exterior.

"Estamos sob efeito lá de fora", comentou o gerente de câmbio de uma corretora à agência de notícias Reuters.

O BCE (Banco Central Europeu) informou, na véspera, que não houve discussão sobre acabar ou estender seu programa de estímulo econômico.

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos