Bolsas

Câmbio

Bolsa sobe 1,09%, no maior nível em quase 6 meses; Petrobras ganha 4,21%

Do UOL, em São Paulo

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou esta sexta-feira (18) em alta de 1,09%, a 68.714,66 pontos. É o maior nível desde 21 de fevereiro (69.052,02 pontos). Na véspera, a Bolsa caiu 0,9%. Com isso, o índice termina a semana com valorização acumulada de 2,01%, na quarta alta semanal seguida.

Entre os destaques positivos do dia, as ações preferenciais (com prioridade na distribuição de dividendos) da Petrobras dispararam 4,21%, a R$ 13,60, enquanto as ordinárias (com direito a voto em assembleia) avançaram 3,24%, a R$ 14,04. Os papéis foram influenciados por medidas de isenção de impostos para o setor petrolífero.

As ações do Bradesco (+2,06%), da mineradora Vale (+1,12%), do Itaú Unibanco (+0,96%) e do Banco do Brasil (+0,9%) também fecharam em alta. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

Dólar cai 1,03%, a R$ 3,146

dólar comercial fechou em queda de 1,03%, cotado a R$ 3,146 na venda. Na véspera, a moeda norte-americana subiu 1,02%, maior alta desde 20 de junho. Com isso, o dólar termina a semana com desvalorização acumulada de 0,89%.

Investidores estavam cautelosos diante do movimento que terá de se feito pelo governo em busca de apoio para aprovar medidas para equilibrar as contas públicas. Entre elas estão o parcelamento de dívidas tributárias (Refis) e a reforma da Previdência, considerada essencial pelo mercado.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos