IPCA
0.11 Ago.2019
Topo

Cotações


Dólar fecha a R$ 4,048, menor valor em um mês, e Bolsa salta 5,3% na semana

Do UOL, em São Paulo

21/09/2018 17h15

dólar comercial fechou esta sexta-feira (21) em queda de 0,59%, a R$ 4,048 na venda, no terceiro recuo seguido. É o menor valor da moeda em um mês, desde 21 de agosto, quando fechou valendo R$ 4,037.

Na semana, o dólar acumulou desvalorização de 2,86%, interrompendo uma sequência de duas semanas de alta.

Já o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, avançou 1,7%, a 79.444,29 pontos, maior nível desde 7 de agosto (80.346,52). Na semana, o índice ganhou 5,32%. É o melhor resultado semanal desde meados de abril de 2016, quando o Ibovespa subiu 5,84%. 

Na véspera, o dólar caiu 1,27%, a R$ 4,072 na venda, e a Bolsa fechou praticamente estável, com leve baixa de 0,07%.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para turistas, o valor sempre é maior.

Leia também:

Cenário internacional

As incertezas em relação ao resultado das eleições presidenciais vinham contribuindo para a alta do dólar nas últimas semanas. Mas, nesta sexta, o cenário internacional exerceu influência no sentido oposto, puxando a moeda para baixo, segundo disse o analista Vitor Suzaki, da Lerosa Investimentos, à agência de notícias Reuters.

"Apesar de ganhos mais contidos nesta sessão, as Bolsas nos EUA estão em máximas históricas e as commodities (matérias-primas) estão em alta", afirmou. Para o analista, parte do otimismo do mercado se deve a certo alívio acerca das negociações comerciais entre Estados Unidos e China.

Pesquisas eleitorais

Além disso, os investidores também seguem atentos às pesquisas eleitorais mais recentes, que, apesar do avanço rápido, apontaram maiores dificuldades para o candidato à presidência do PT, Fernando Haddad.

Cenário mostrado na quinta-feira (20) pelo Datafolha apontou Haddad tecnicamente empatado com Ciro Gomes (PDT) no primeiro turno. As expectativas do mercado seguem em suspenso até a próxima segunda-feira, para quando está prevista nova divulgação do Ibope para a corrida presidencial.

Atuação do BC

O Banco Central ofertou e vendeu integralmente 10,9 mil swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares, rolando US$ 7,63 bilhões do total de US$ 9,801 bilhões que vencem em outubro.

Se mantiver essa oferta diária e vendê-la até o final do mês, terá feito a rolagem integral.

(Com Reuters)

Mais Cotações