Topo

Cotações


Lucro de bancos com ações na Bolsa sobe 19% e soma R$ 74,6 bi em 2018

Juliana Elias

Do UOL, em São Paulo

01/04/2019 16h48

Juntos, os 22 bancos com ações na Bolsa de Valores brasileira lucraram R$ 74,62 bilhões em 2018, alta de 18,97% em relação ao ano anterior (R$ 62,72 bilhões). O resultado supera o de qualquer outro setor representado na Bolsa.

Os números fazem parte de um levantamento feito pela empresa de informações financeiras Economatica com base no resultado de 308 companhias de capital aberto que apresentaram seus resultados até 29 de março.

Segundo colocado no ranking, o setor de energia elétrica lucrou R$ 29,40 bilhões em 2018, mesmo contando com mais empresas do que o grupo de bancos-- são, atualmente, 35 companhias de energia e eletricidade nesse grupo no país.

Na outra ponta, o setor da construção liderou as perdas. As 22 companhias do setor com ações em Bolsa registraram, em 2018, um prejuízo conjunto de R$ 2,84 bilhões.

Lucro total de empresas na Bolsa dobra

No total, as companhias com ações negociadas na Bolsa somaram lucro de R$ 241,13 bilhões em 2018, 106,8% mais que em 2017 (R$ 116,59 bilhões).

O aumento foi influenciado principalmente pelas grandes estatais e também pela Oi, que saíram de prejuízos em 2017 para alguns dos maiores resultados de 2018.

Veja os principais números de 2018 abaixo:

Os cinco setores mais lucrativos

  1. Bancos (22 empresas): R$ 74,616 bilhões
  2. Energia elétrica (35 empresas): R$ 29,398 bilhões
  3. Telecomunicações (4 empresas): R$ 11,256 bilhões
  4. Siderurgia e mineração (18 empresas): R$ 8,018 bilhões
  5. Alimentos e bebidas (12 empresas): R$ 7,929 bilhões

As cinco empresas com os maiores lucros

  1. Petrobras: R$ 25,779 bilhões
  2. Vale: R$ 25,657 bilhões
  3. Itaú Unibanco: R$ 24,997 bilhões
  4. Oi Brasil: R$ 24,591 bilhões
  5. Bradesco: R$ 19,085 bilhões

Entenda o que é o spread bancário e a relação com os juros que você paga

UOL Notícias

Cotações