PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Cotações

Dólar sobe 1,4%, vendido a R$ 5,309, e Bolsa fecha quase estável

Do UOL, em São Paulo

20/04/2020 17h03

O dólar comercial fechou em alta de 1,4% hoje, a R$ 5,309 na venda, no segundo maior valor nominal de fechamento na história. O recorde foi registrado em 3 de março (R$ 5,326).

O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, fechou quase estável, com leve queda de 0,02%, a 78.972,76 pontos.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

Petróleo no exterior, política no Brasil

O mercado repercutia uma nova derrocada das cotações globais do petróleo e renovados ruídos políticos no Brasil, além dos desdobramentos econômicos da pandemia do coronavírus.

Os preços do petróleo caíram, com futuros nos Estados Unidos tocando mínima desde 1986 por preocupações com o excesso de oferta global. "O pano de fundo continua a ser a queda significativa de demanda devido à quarentena resultante da pandemia do Covid-19, que supera em muito os esforços de controle de produção da Opep+ anunciados até o momento", afirmou a XP Investimentos.

No Brasil, o domingo foi marcado por protestos a favor de intervenção militar, que contaram com fala polêmica de Jair Bolsonaro. O presidente afirmou a manifestantes que participaram de ato em frente ao Quartel General do Exército, em Brasília, que acabou a "época da patifaria" e do que costuma chamar de "velha política".

Em resposta, amargando ainda mais as tensões entre o Executivo e o Legislativo, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou na noite de domingo que além do coronavírus, o país precisa combater o vírus do autoritarismo e que não há tempo a perder com "retóricas golpistas".

"A participação do presidente Bolsonaro na manifestação que pedia o fechamento do congresso piora a já frágil situação política do país e municia os grupos contrários ao presidente nas diversas frontes", disse em nota a Infinity Asset.

Nesta manhã, Bolsonaro negou que a manifestação tivesse viés antidemocrático e repreendeu um apoiador que pediu o fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF), ao mesmo tempo que disse esperar que esta seja a última semana de medidas de isolamento para conter o coronavírus.

Atuação do BC no câmbio

O Banco Central realizou a partir desta segunda-feira leilões de swap cambial tradicional para fins de rolagem integral dos contratos vincendos em junho de 2020. A autoridade monetária vendeu 7 mil dos 10 mil contratos ofertados.

* Com Reuters

Cotações