PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Cotações

Bitcoin cai mais de 7% na madrugada e chama atenção; é normal?

Antonio Temóteo

Do UOL, em Brasília

20/01/2021 15h44

O bitcoin registrou uma queda superior a 7% na madrugada de hoje, o que chamou a atenção de quem acompanha o preço da criptomoeda. Apesar da redução, especialistas avaliaram que variações de um dígito são comuns, sobretudo durante à noite.

"Na madrugada e nos fins de semana, há menos liquidez. Qualquer movimento de venda nesses horários impacta o preço", afirmou João Marco Braga da Cunha, gestor de portfólios da gestora de recursos Hashdex. "Movimentos de um dígito [para cima ou para baixo] são normais nesse mercado. Não há uma grande justificativa para essa variação ocorrer."

Por volta das 15h30 desta quarta-feira (20), a queda havia desacelerado para 3,88%.

Com a valorização do bitcoin nas últimas semanas, quando a moeda digital ultrapassou os R$ 200 mil de valor de mercado, vários investidores institucionais no Brasil e no mundo, por exemplo, fundos, iniciaram um processo de venda de bitcoin.

"Isso ocorre porque, pelo regulamento dos fundos, há um limite de exposição por ativo. Com essa valorização, vários fundos fizeram um movimento de venda, o que pode afetar o mercado com uma queda no preço", declarou Cunha.

Segundo ele, o movimento de queda não está ligado a uma perspectiva negativa para o mercado. "Não existe um número mágico que chame a atenção do mercado quando ocorre uma queda forte", disse.

Cuidados antes de investir

Antes de comprar bitcoins o investidor precisa estar ciente de que esse é um investimento de grande oscilação de preços, com fortes movimentos de alta e baixa.

De acordo com especialistas, investimento em bitcoin não deve ser pensado para o curto prazo, para ganhos imediatos, e sim em longo prazo.

Além disso, eles recomendam fugir de empresas que prometem enriquecimento rápido ou fórmulas mágicas para ficar rico rapidamente, porque o risco de golpe é enorme. Em grande parte das vezes, essas ofertas não passam de iscas para as famosas pirâmides financeiras.

Quem decidir comprar bitcoin ou outra criptomoeda de uma corretora, antes de se cadastrar e transferir dinheiro deve verificar o site da empresa. Gaste tempo checando se aparecem os nomes dos responsáveis pela plataforma, os termos de uso, o CNPJ da companhia e o tempo de existência da empresa.

Cotações