Bolsas

Câmbio

17 dicas para viajar nas férias sem estourar o orçamento da família

Sophia Camargo

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images/iStockphoto

Esperar uma semana para viajar, trocar o destino da viagem e planejar os gastos com antecedência são medidas que podem fazer a diferença entre férias com e sem dinheiro no bolso.

"As viagens mais caras são no Réveillon, Carnaval e Natal. Se a pessoa aguarda para viajar uma semana após o Réveillon para um resort no Nordeste, por exemplo, ela paga cerca de 50% a menos", diz Leonel Rossi Júnior, vice-presidente de Relações Internacionais da Abav (Associação Brasileira de Agências de Viagens).

Pesquisar preços pela internet e comprar pacotes prontos também é uma maneira de economizar, mas aí é preciso cuidado para não deixar que o barato saia caro.

Um exemplo, segundo Cristina Courty, agente de viagens da Terrazul Turismo, são anúncios de passagens aéreas muito baratas. "Mas o preço final é bem mais caro, pois embutem as taxas e outras cobranças. E, se o cliente não puder mais viajar por algum motivo, ele acaba perdendo o que pagou", diz.

17 maneiras de não estourar o orçamento na viagem
  • Getty Images/Creatas RF
    1
    Planeje a viagem com antecedência
    O preço de passagens e hotéis fica mais baixo se a aquisição for feita antecipadamente. Além disso, o planejamento permite que a pessoa poupe o valor a ser gasto e escolha se deseja pagar à vista e obter desconto, ou pagar aos poucos para não acumular todos os gastos Foto: Getty Images/Creatas RF
  • Getty Images
    2
    Cuidado com as datas
    Viajar em épocas como Réveillon ou Carnaval representa um gasto muito maior do que fazer a viagem apenas uma semana depois, por exemplo. Repense a possibilidade ou compre com antecedência Foto: Getty Images
  • Getty Images
    3
    Viajar para o exterior é mais caro?
    Nem sempre. Dependendo da cotação do dólar, a viagem dentro do Brasil é mais cara do que para o exterior. Pesquise sempre as diversas opções Foto: Getty Images
  • Getty Images
    4
    Promoções de última hora
    Voos e hotéis com ocupação menor do que a esperada podem resultar em promoções de última hora. Verifique com o agente de viagens ou pesquise na internet Foto: Getty Images
  • Getty Images
    5
    Fique atento ao preço
    Pesquise o preço das passagens nos sites das empresas de transporte aéreo e terrestre e agências de turismo. Horários alternativos, como a madrugada, geralmente têm descontos. No caso de passagem aérea, verifique se já estão incluídas as taxas de embarque Foto: Getty Images
  • Divulgação
    6
    Pacotes saem mais em conta
    As agências negociam passagens e quartos com antecedência e conseguem oferecer produtos mais em conta. Verifique as ofertas de várias agências e também as condições de pagamento Foto: Divulgação
  • Divulgação
    7
    No hotel é mais caro
    Evite consumir produtos do frigobar ou comer no restaurante do hotel quando a comida não está inclusa. Normalmente os preços são bem mais altos Foto: Divulgação
  • Rafael Mosna/UOL
    8
    Verifique os serviços do hotel
    Informe-se sobre os preços, segurança e formas de traslados disponíveis no destino. Vários hotéis disponibilizam opções de transporte gratuito para restaurantes e pontos turísticos da cidade. Foto: Rafael Mosna/UOL
  • Ayrton Vignola/Folha Imagem
    9
    Se der, vá de carro
    Faça as contas e veja se é ou não vantajoso viajar de carro. Se a distância for curta e o carro estiver com a capacidade máxima e segura de pessoas, pode valer mais a pena do que ir de ônibus ou avião Foto: Ayrton Vignola/Folha Imagem
  • Julio Tavares/Divulgação
    10
    Programe as despesas da viagem
    Use a Internet para pesquisar preços de refeições, transporte, passeios (shows e parques, entre outros). Em algumas cidades, há museus que oferecem entrada gratuita em um dia determinado na semana. Procure os escritórios de turismo na internet que fornecem esse tipo de informação Foto: Julio Tavares/Divulgação
  • Getty Images
    11
    Concentre pontos de programas
    Periodicamente concentre pontos de cartão de crédito e cartões fidelidade. Dessa forma é mais fácil juntar os pontos necessários para trocar por passagens ou pacotes Foto: Getty Images
  • Getty Images
    12
    Atenção ao excesso de bagagem
    "Voar um trecho nacional e um trecho internacional de forma separada pode resultar em pagamento de taxa por excesso de bagagem. Ao comprar o trecho interno junto com o bilhete internacional, a franquia passa a ser internacional", diz Cristina Courty. Respeite o limite de peso para não ter de pagar a taxa Foto: Getty Images
  • Divulgação
    13
    Verifique os serviços das companhias
    Há companhias aéreas que oferecem hotel e traslado em caso de conexões com mais de 12 horas de duração. Outras também permitem o upgrade da passagem na hora, pagando uma pequena taxa, caso o voo esteja vazio Foto: Divulgação
  • Reprodução/SXC
    14
    Muitos destinos, muita economia?
    Querer conhecer muitos lugares de uma vez não representa necessariamente uma economia. "Às vezes é apenas uma maneira de viajar mal", diz Leonel Rossi. Programe a viagem de modo a conhecer um pouco de cada lugar e não passar os dias dentro de um transporte Foto: Reprodução/SXC
  • Eduardo Vessoni/UOL
    15
    Compre onde os locais o fazem
    Os lugares turísticos costumam ter preços bem mais caros. Para comprar lembrancinhas ou comer, prefira ir aos lugares onde as pessoas da região frequentam Foto: Eduardo Vessoni/UOL
  • Marcelo Justo/Folhapress
    16
    Cuidado com parcelamentos
    Cuidado com longos parcelamentos para não comprometer ainda mais a renda. O início do ano concentra muitos impostos e contas extras, como IPVA, IPTU, despesas com escola e férias Foto: Marcelo Justo/Folhapress
  • Thinkstock
    17
    Deixe tudo por escrito
    Guarde todas as ofertas, panfletos, páginas de internet e tudo o que foi acordado por escrito no contrato. Se precisar reclamar ou ser ressarcido, as provas facilitam Foto: Thinkstock
Fonte: Cristina Courty, agente de viagens da Terrazul Turismo; Leonel Rossi Júnior, vice-presidente de Relações Internacionais da Abav (Associação Brasileira de Agências de Viagens), e SerasaConsumidor

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos