Só para assinantesAssine UOL

CSN (CSNA3), GPA (PCAR3) e B3 (B3SA3) movimentam o mercado nesta terça-feira; veja mais destaques 

A informação de que a CSN (CSNA3) concluiu a aquisição de ações de emissão da Panatlântica (PATI3) está entre os destaques desta terça-feira (16). 

Também está entre os destaques do mercado financeiro o GPA (PCAR3), após rumores de que a companhia pode adiar oferta de ações, segundo fontes ouvidas pelo jornal Valor Econômico. 

A B3 (B3SA3) também está no radar dos investidores hoje, depois de divulgar seu volume diário de negociação em dezembro. 

Veja os destaques do mercado financeiro hoje:

CSN 

A Companhia Siderúrgica Nacional, ou CSN (CSNA3) informou que concluiu a aquisição de ações de emissão da Panatlântica (PATI3), representativas de 18,61% do seu capital social, por R$ 150 milhões.

Segundo a CSN, o montante será pago em seis parcelas anuais, sendo que o primeiro pagamento já ocorreu no mesmo dia. A aquisição foi anunciada no final de outubro do ano passado.

GPA 

O GPA (PCAR3) pode adiar a oferta pública primária de ações, comunicada ao mercado em dezembro e que poderia atingir o valor estimado de R$ 1 bilhão, segundo fontes a par do assunto ouvidas pelo jornal Valor Econômico.  

Continua após a publicidade

A avaliação é que a companhia não está confortável com a volatilidade recente do preço do papel e a dinâmica de investidores na posição "short" (apostam na queda) no mercado. 

B3 

O volume diário de negociação da B3 (B3SA3) caiu 13,6% em dezembro na comparação anual, para R$ 25,29 bilhões. Na base mensal, a dona da bolsa brasileira registrou uma baixa de 7,9%.

Magazine Luiza

O Magazine Luiza (MGLU3) anunciou a nomeação da Vanessa Papini Rossini para o cargo de Diretora Adjunta de Relações com Investidores. Ela vai substituir Simon Olson, que, segundo o Magalu, "encerrou um longo ciclo de grandes contribuições na área de relações com investidores e de novos negócios."

Tenda 

A Tenda (TEND3) atingiu vendas líquidas de R$ 787,5 milhões no quarto trimestre de 2023, aumento de 19,9% em relação ao mesmo período do ano anterior. No 4T23, o Valor Geral de Vendas (VGV) da Tenda chegou a R$ 992,2 milhões, aumento de 40,9% em relação ao 4T22, quando havia registrado R$ 704,2 milhões. No quarto trimestre do ano passado, a Tenda lançou 13 empreendimentos.

Continua após a publicidade

Direcional

A Direcional (DIRR3) anunciou que as vendas líquidas do quarto trimestre de 2023 atingiram R$ 1,22 bilhão, uma alta de 76% em relação ao mesmo período do ano imediatamente anterior, de acordo com a prévia operacional.  

A Direcional no 4T23 teve um Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 1,39 bilhão, valor 31,4% maior que o visto no mesmo intervalo de 2022, quando havia registrado R$ 1,05 bilhão.

Mitre

As vendas brutas da Mitre (MTRE3) atingiram R$ 351,2 milhões, alta de 5,9% ante o trimestre anterior. Por sua vez, as vendas líquidas foram de R$ 314,3 milhões, crescimento de 4,7% quando comparado ao 3T23. A velocidade de venda, medida pelo índice de venda sobre oferta (VSO), ficou em 12,2%. 

Helbor

As vendas de unidades da Helbor (HBOR3) cresceram 52,6% no quarto trimestre de 2023.  As vendas brutas atingiram R$ 409 milhões, representando um aumento de 3,7% na comparação com o terceiro trimestre. A velocidade de vendas medida pelo indicador VSO (velocidade geral de vendas) foi de 13%. 

Continua após a publicidade

Americanas

Os acionistas de referência da Americanas (AMER3) não descartam a hipótese de uma associação com um concorrente digital relevante, caso a varejista se recupere de forma mais firme nos próximos meses, segundo apuração do jornal Valor Econômico.

De acordo com a publicação, o plano da Americanas vai depender do desempenho das operações daqui para a frente, uma vez que é preciso se apresentar como uma empresa viável a potenciais parceiros.

Os destaques do mercado financeiro do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia, como a CSN (CSNA3), que deve estar no foco dos investidores hoje.

Este material foi elaborado exclusivamente pelo Suno Notícias (sem nenhuma participação do Grupo UOL) e tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar decisão de investimento, não constituindo nenhum tipo de oferta de valor mobiliário ou promessa de retorno financeiro e/ou isenção de risco. Os valores mobiliários discutidos neste material podem não ser adequados para todos os perfis de investidores que, antes de qualquer decisão, deverão realizar o processo de suitability para a identificação dos produtos adequados ao seu perfil de risco. Os investidores que desejem adquirir ou negociar os valores mobiliários cobertos por este material devem obter informações pertinentes para formar a sua própria decisão de investimento. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Os desempenhos anteriores não são indicativos de resultados futuros.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora