IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Veja onde investir a restituição do IR para o seu dinheiro render mais

Ansioso para receber a restituição do Imposto de Renda? Veja simulações de onde aplicar o dinheiro extra - iStock
Ansioso para receber a restituição do Imposto de Renda? Veja simulações de onde aplicar o dinheiro extra Imagem: iStock

Stephanie Tondo

Colaboração para o UOL

24/05/2023 04h00

Se você está ansioso para receber o dinheiro da restituição do Imposto de Renda, veja qual é a melhor maneira de investir o valor e ter ainda mais com o rendimento. O UOL fez simulações para mostrar quais as melhores opções para aplicar a restituição do IR.

O que fazer com o dinheiro da restituição?

O uso da restituição deve variar de acordo com a necessidade de cada pessoa. É o que diz Antonio Sanches, analista da Rico Investimentos. Por isso, o primeiro passo é fazer uma análise da situação financeira pessoal ou familiar.

Se você tiver dívidas, a melhor opção é quitá-las antes de pensar em investir o dinheiro. "Em geral, os juros das dívidas são mais altos que os rendimentos dos investimentos. Por isso, vale a pena antecipar os pagamentos e, se possível, quitar esses débitos", diz Sanches. As exceções são dívidas com parcelamentos longos e taxas de juros baixas, como financiamentos imobiliários.

Para quem está livre das pendências, mas ainda não tem uma reserva para emergências, esse é o momento de começar. A recomendação juntar o equivalente a seis a 12 meses de salário. Esse valor será usado para imprevistos, como o conserto de um carro ou eletrodoméstico, uma reforma inesperada na casa, um problema de saúde ou até mesmo a perda do emprego. Veja aqui o prejuízo que você evita ao ter um dinheiro separado para imprevistos.

Onde investir vai depender dos seus objetivos de curto, médio e longo prazo. Sanches diz que esses objetivos vão determinar onde investir, considerando os prazos e riscos de cada ativo.

A reserva de emergência deve ser investida em aplicações que possam ser sacadas com facilidade e rapidamente. Algumas opções são títulos do Tesouro Selic e os Certificados de Depósito Bancário (CDBs), além de outras aplicações de renda fixa.

São investimentos seguros. Investimentos em CDBs são protegidos pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC), que devolve até R$ 250 mil por CPF ao investidor em caso de falência da instituição financeira.

Títulos do Tesouro e CDBs estão sujeitos ao pagamento de Imposto de Renda na hora do resgate. A tabela é regressiva e, quanto mais tempo o dinheiro ficar investido, menor será a alíquota de imposto, que vai de 22,50% a 15%.

Onde o dinheiro da restituição rende mais

O UOL simulou o rendimento para uma aplicação de restituição no valor de R$ 1.000 após o período de um ano na poupança, Tesouro Selic, Tesouro Prefixado, Tesouro IPCA+ e em CDBs com remuneração de 100%, 105% e 110% do CDI.

Poupança

Rentabilidade anual: 0,5% ao mês + TR

Rendimento bruto: R$ 80

IR: Não tem

Valor para saque em um ano: R$ 1.080

Tesouro Selic 2026

Rentabilidade anual: Selic + 0,1156%

Rendimento bruto: R$ 137

IR: R$ 24,11

Valor para saque em um ano: R$ 1.113,70

Tesouro Prefixado 2026

Rentabilidade anual: 11,83%

Rendimento bruto: R$ 77,86

IR: R$ 15,57

Valor para saque em um ano: R$ 1.060,87

Tesouro IPCA+ 2029

Rentabilidade anual: IPCA + 5,70%

Rendimento bruto: R$ 104,45

IR: R$ 18,27

Valor para saque em um ano: R$ 1.084

CDB 100% do CDI

Rentabilidade anual: 100% do CDI

Rendimento bruto: R$ 136,50

IR: R$ 23,88

Valor para saque em um ano: R$ 1.112,61

CDB 110% do CDI

Rentabilidade anual: 110% do CDI

Rendimento bruto: R$ 150,15

IR: R$ 26,28

Valor para saque em um ano: R$ 1.123,87

Além da renda fixa, existem as aplicações de renda variável. Existem fundos de investimento, ações, ETFs (fundos que replicam a composição de índices financeiros, como o Ibovespa), câmbio, entre outras. "É importante diversificar a carteira, com pelo menos dois investimentos para cada prazo. Nos investimentos de longo prazo, se a pessoa tiver perfil de investidor mais arrojado e mais apetite a risco, aí, sim, pode buscar a renda variável, com ações ou ETF", afirma Sanches.

Quando vou receber a restituição do IR?

A restituição do Imposto de Renda 2023 será paga em cinco lotes, começando em maio até setembro.

Idosos, pessoas com deficiência grave e professores estão no topo da lista de prioridades. Também receberão o dinheiro nos primeiros grupos os contribuintes que optarem pela declaração pré-preenchida do Imposto de Renda e aqueles que optarem por receber a restituição via Pix, desde que a chave seja o número do CPF.

Além disso, recebem antes aqueles que enviarem o documento mais cedo.

Calendário de Restituição do Imposto de Renda 2023

  • 1º lote de restituição: 31 de maio
  • 2º lote: 30 de junho
  • 3º lote: 31 de julho
  • 4º lote: 31 de agosto
  • 5º lote: 29 de setembro

UOL tem guia para investir e receber dinheiro pingando na conta

A renda passiva é a remuneração que não está vinculada a qualquer trabalho, atividade profissional ou prestação de serviço. É um dinheiro que você ganha sem precisar trabalhar.

E como receber esse dinheiro? Existem alguns investimentos mais indicados para esse objetivo. As principais alternativas são os dividendos de ações, os fundos imobiliários e determinados títulos do Tesouro. Mas há diferenças na remuneração, nas taxas, e no nível de risco de cada um.

Em última análise, todos os investimentos geram renda passiva, já que você não trabalha para ver os rendimentos.

Quer saber tudo sobre investimentos que pagam renda passiva? Acesse o especial "Guia de Investimentos para ter Renda Passiva", exclusivo para assinantes.Assine aqui e participe!

Especial faz parte de um aulão sobre investimentos inteligentes para quem está começando.

Em quatro lives, falamos sobre tudo o que você precisa saber para conseguir viver com uma renda dos seus investimentos e ter sempre um dinheiro pingando na sua conta. Falamos sobre ações que pagam dividendos, fundos imobiliários, títulos de renda fixa e fundos de investimentos.

As quatro aulas já estão no ar. A primeira aula, sobre o que é renda passiva, pode ser assistida aqui. A segunda aula é sobre FIIs e ações e pode ser assistida na íntegra aqui. Já a terceira é sobre como usar a Renda Fixa para ganhar mais com seus investimentos e pode ser vista neste link. A quarta aula, sobre fundos de investimentos, pode ser conferida na íntegra aqui.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

A página de investimentos do UOL tem uma newsletter gratuita que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar, você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pela equipe do PagBank Investimentos. Com essa newsletter, você vai aprender a investir e entender o que está acontecendo com o mercado.

Além da newsletter diária, você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita de investimentos do UOL, é só clicar aqui. Há ainda conteúdos diários sobre diversos tipos de ativos.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envie sua pergunta para uoleconomiafinancas@uol.com.br.

Este material não é um relatório de análise, recomendação de investimento ou oferta de valor mobiliário. Este conteúdo é de responsabilidade do corpo jornalístico do UOL Economia, que possui liberdade editorial. Quaisquer opiniões de especialistas credenciados eventualmente utilizadas como amparo à matéria refletem exclusivamente as opiniões pessoais desses especialistas e foram elaboradas de forma independente do Universo Online S.A.. Este material tem objetivo informativo e não tem a finalidade de assegurar a existência de garantia de resultados futuros ou a isenção de riscos. Os produtos de investimentos mencionados podem não ser adequados para todos os perfis de investidores, sendo importante o preenchimento do questionário de suitability para identificação de produtos adequados ao seu perfil, bem como a consulta de especialistas de confiança antes de qualquer investimento. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura e não está isenta de tributação. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço pode aumentar ou diminuir, a depender de condições de mercado, podendo resultar em perdas. O Universo Online S.A. se exime de toda e qualquer responsabilidade por eventuais prejuízos que venham a decorrer da utilização deste material.